UOL Esporte Brasileirão - Série A
 
Gil Leonardi/Vipcomm

Adilson Batista foi contratado pelo Corinthians para substituir o técnico Mano Menezes

24/07/2010 - 22h52

Corinthians contrata técnico Adilson Batista para substituir Mano Menezes

Daniel Neves
Em São Paulo

O Corinthians agiu rápido e acertou a contratação do técnico Adilson Batista para substituir Mano Menezes no comando da equipe. O técnico firmou acordo até dezembro de 2011 e será apresentado pelo clube paulista na próxima terça-feira.

A DESPEDIDA DE MANO DO CORINTHIANS

  • EFE/Sebastião Moreira

    O presidente Andres Sanchez não conteve o choro

  • Mauricio Lima/AFP

    Ronaldo, R. Carlos e companhia invadiram coletiva

A confirmação da contratação de Adilson Batista ocorreu horas após o anúncio da saída do técnico Mano Menezes, que aceitou o convite da CBF para comandar a seleção brasileira. O novo treinador corintiano trará apenas o auxiliar Ivair para compor a comissão técnica e terá a missão de manter o bom momento da equipe, que ocupa a vice-liderança do Campeonato Brasileiro.

Adilson Batista retorna ao Corinthians, equipe que defendeu como jogador em 2000 e pelo qual conquistou o Mundial de Clubes. O treinador, porém, move uma ação contra o clube na qual cobra uma dívida de R$ 500 mil por atraso de pagamentos.

O treinador está desempregado desde o dia 3 de junho, quando deixou o comando do Cruzeiro. Pelo clube mineiro, Adilson foi bicampeão mineiro em 2008 e 2009, além de vice da Copa Libertadores. Ele também acumula passagens por Grêmio, Figueirense, Sport, Paraná, Avaí, América-RN, Paysandu, Mogi Mirim e Júbilo Iwata.

Antes de assumir a seleção brasileira, Mano Menezes ainda comandará o Corinthians na partida deste domingo contra o Guarani, no Pacaembu, pelo Campeonato Brasileiro. Contratado para reerguer a equipe após o rebaixamento na competição nacional em 2007, o treinador conquistou o título da Série B, do Campeonato Paulista e da Copa do Brasil.

A confirmação da saída de Mano Menezes para a seleção brasileira ocorreu em uma entrevista coletiva realizada no Parque São Jorge na manhã deste sábado. O treinador foi convidado pela CBF para assumir a função após a recusa de Muricy Ramalho, que não foi liberado pelo Fluminense.

Depois do pronunciamento de Mano, o presidente da equipe paulista, Andrés Sanchez, foi questionado sobre quem seria o substituto de treinador e, em tom irônico, citou até mesmo o nome do técnico português José Mourinho, recém-contratado pelo Real Madrid.

“O novo treinador do Corinthians pode ser o Mourinho, o Alex Fergunson [do Manchester United]. O Felipão é um grande treinador, tem o Parreira”, disse Sanchez.

 

 

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host