UOL Esporte Brasileirão - Série A
 
André Costa/Costapress/AE

25/07/2010 - 17h58

Atlético-PR confirma recuperação, vence Goiás e quebra jejum como visitante

Do UOL Esporte
Em Curitiba

Com gols do zagueiro Manoel e do atacante Maikon Leite, no primeiro tempo, o Atlético-PR derrotou o Goiás por 2 a 0, neste domingo, no Serra Dourada, e confirmou sua recuperação no Campeonato Brasileiro. O time, que era o vice-lanterna, há duas rodadas, saltou seis posições na classificação, atingindo o 12º lugar, com 13 pontos.

A vitória também quebrou uma marca indigesta, pois foi a primeira do time atleticano, em seis jogos fora de casa neste Brasileirão.

O Goiás, por sua vez, se complicou, caindo na tabela. A equipe encerra a rodada na 16ª colocação, com 12 pontos, um posto apenas acima da zona de rebaixamento. Foi a quinta derrota do time alviverde, sob o comado do técnico Emerson Leão.

Os dois times só voltam a jogar no próximo fim de semana. O Atlético atua novamente fora de casa, sábado, às 18h30, diante do Fluminense. O Goiás também viaja, para enfrentar o Avaí, na Ressacada, domingo, às 16h.

PRINCIPAIS LANCES

PRIMEIRO TEMPO
10min - Alex Mineiro ajeita com o braço para Bruno Mineiro, que marca. O árbitro valida o gol, mas volta atrás e anula
27min - GOOOL DO ATLÉTICO-PR!!! Bruno Costa levanta da esquerda e Manoel, livre de marcação, toca de cabeça para o fundo do gol
28min- Bernardo cobra falta da intermediária e acerta o travessão de Neto
35min- Bernardo cobra escanteio, Rafael Moura ajeita, a bola bate na zaga e volta para o atacante que chuta no poste
SEGUNDO TEMPO
5min- Chico bate falta com violência e obriga Rodrigo Calaça a espalmar para escanteio
9min- Wellington Saci invade a área pela esquerda e solta a bomba. Neto, bem colado, espalma e evita o gol do Goiás
22min- Lançamento longo para Bruno Mineiro, que invade a área e toca para Maykon Leite, que fura e perde grande chance
35min - GOOOL DO ATLÉTICO-PR!!! Maikon Leite recebe pela direita, corta para o meio e bate cruzado, no canto esquerdo

O jogo

O jogo começou em ritmo um pouco lento, mas o Atlético passou a tomar a iniciativa  e chegou a marcar, aos 10 minutos, mas o gol foi anulado. Alex Mineiro ajeitou com a mão para Bruno Mineiro que tocou para as redes. O árbitro validou o lance, mas, alertado pelo auxiliar, voltou atrás.

OPINIÃO DO BLOGUEIRO

É o trabalho de Paulo César Carpegiani começando a dar resultado e o de Emerson Leão começando a pifar.

O Goiás, mesmo jogando em casa, estava encolhido e permitia o assédio do Atlético, que chegou ao gol aos 27 minutos, marcado por Manoel. O zagueiro aproveitou um cruzamento de Bruno Costa, da esquerda, e tocou de cabeça para abrir o placar.

Após tomar o gol, o Goiás resolveu reagir e colocou duas bolas na trave. Aos 28 minutos. Bernardo cobrou falta da direita e carimbou o travessão de Neto. Aos 35, Rafael Moura aproveitou a sobra na área e bateu de perna direita, mas, novamente, a bola bateu no poste. 

O Goiás cresceu na segunda etapa e passou a pressionar. Aos 9 minutos, Wellington saci invadiu a área e bateu forte, obrigando Neto a espalmar. Nos primeiros vinte minutos, o time alviverde conquistou cinco escanteios, dando trabalho à defesa atleticana.

O time goiano tentava pressionar, mas o Atlético levava perigo quando chegava ao ataque. Aos 22 minutos, Maikon Leite teve a chance de "matar" o jogo, ao receber um grande passe de Bruno Mineiro. Frente a frente com o goleiro ele furou e desperdiçou.

Na segunda chance que teve, no entanto, Maikon Leite não desperdiçou. Aos 35 minutos, ele recebeu pela direita, cortou para o meio e bateu cruzado no canto esquerdo, definindo o placar.

 

GOIÁS 0 x 2 ATLÉTICO-PR

Goiás
Rodrigo Calaça ; Carlos Alberto, Rafael Tolói, Ernando e Wellington Saci (Romerito); Jonílson, Amaral , Wellington Monteiro (Douglas) e Bernardo (Otacílio Neto); Everton Santos, Rafael Moura
Técnico: Emerson Leão

Atlético-PR
Neto; Wagner Diniz (Alex Fraga), Manoel, Leandro e Bruno Costa; Chico, Vitor, Paulo Baier (Branquinho), Paulinho; Alex Mineiro (Maikon Leite) e Bruno Mineiro
Técnico: Paulo César Carpegiani

 Data: 25/06/2010 (domingo)
Loca
l: Estádio Serra Dourada, em Goiânia-GO
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)
Assistentes
: Márcio Sousa Santiago (FIFA) e Jair Albano Felix.
Público: 4.023
Renda:
R$ 60.610
Cartões amarelos
: Otacílio Neto (Goiás)
Gols: Manoel, aos 27min do primeiro tempo; Maikon Leite, aos 35 min do segundo tempo.

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host