UOL Esporte Brasileirão - Série A
 
25/07/2010 - 09h01

Contra o Ceará, Felipão tenta remendar defesa do Palmeiras

Renan Cacioli
Folhapress
Em São Paulo

Passados três jogos e sete gols sofridos, o Palmeiras de Luiz Felipe Scolari tenta tapar os buracos justamente no momento em que mais sofre com desfalques na defesa. Só no jogo deste domingo, às 18h30, diante do Ceará, em Fortaleza, são quatro as peças do sistema defensivo ausentes da equipe.

O zagueiro Danilo continua suspenso pelo episódio de racismo contra Manoel, do Atlético-PR, na Copa do Brasil. Ainda faltam sete partidas para ele cumprir. O volante Edinho, que vinha sendo improvisado na zaga, recebeu o terceiro amarelo no empate com o Botafogo (2 a 2), na última rodada. Ou seja, é praticamente um desfalque duplo para Scolari. Pelo mesmo motivo, Pierre, outro atleta de contenção no meio-campo do time, também não enfrenta o Ceará.

Já Marcos Assunção levou o cartão vermelho direto depois de ter se desentendido com o atacante botafoguense Jóbson. É mais um atleta do miolo da equipe fora do confronto no estádio Castelão.

Assim, sobram poucas alternativas para Scolari arrumar o setor que tem se mostrado mais caótico na equipe desde que ele e seu assistente, Flávio Murtosa, assumiram o cargo, há três rodadas. De volantes, por exemplo, restam Márcio Araújo, Tinga e Bruno Turco. O primeiro é o único titular. Tinga acabou de ser trazido da Ponte Preta. E Bruno, recém-chegado da base, mal treinou com o time.

Como não tem mais "curingas" à disposição, Scolari terá de arriscar. Para que seu meio-campo não fique vulnerável, é provável que o treinador altere o esquema tático. A opção mais provável é promover a estreia do zagueiro Leandro Amaro e apostar no 3-5-2, com mais dois beques: Maurício Ramos e Léo.

Na frente da primeira linha de defesa, Márcio Araújo e Tinga fariam a proteção. O meia Lincoln sobraria como único armador para servir Ewerthon e Kleber no ataque. "Nós teríamos de ter mais uns quatro jogadores de peso. Estamos colocando jogadores durante o jogo que são meninos. Fica mais difícil. É um problema de plantel, de grupo", reclamou Scolari, depois do último confronto.

No Ceará, o treinador Estevam Soares não contará com o meia Geraldo e o centroavante Washington, ex-Palmeiras, ambos suspensos.

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host