UOL Esporte Brasileirão - Série A
 
26/07/2010 - 14h38

Em seu 1º clássico, Cuca lamenta torcida única, mas entende motivo

Do UOL Esporte
Em Belo Horizonte
  • Cuca admite que gostaria de ver duas torcidas no domingo, mas está ciente que segurança prevalece

    Cuca admite que gostaria de ver duas torcidas no domingo, mas está ciente que segurança prevalece

Cuca disputará o primeiro clássico mineiro, no próximo domingo, às 18h30 (de Brasília), na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. O técnico do Cruzeiro terá de enfrentar o Atlético-MG com torcida apenas do rival. Para ele, a decisão não é a ideal, mas tem motivos compreensíveis.

“Sempre fui acostumado quando era torcedor, adorava a ir ao jogo para ter aquele confronto sadio de uma torcida com a outra. Infelizmente, hoje, não se pode, por motivo de segurança. A gente não pode recriminar a polícia, porque ela quer proteger as boas pessoas que vêm ao estádio. Infelizmente, isso tem de ocorrer, porque domingo era um dia para estar metade azul, metade preto e branco, e a gente se divertir com isso”, afirmou.

Pelo acordo entre as diretorias de Atlético e Cruzeiro, os clássicos mineiros válidos pelo Brasileirão serão disputados com torcida única, por motivo de segurança. No primeiro confronto apenas a torcida do Atlético, mandante neste jogo, terá acesso ao estádio.

O procedimento de torcida única valerá também para o jogo do segundo turno, marcado para 24 de outubro, em que o Cruzeiro será mandante e apenas torcedores da equipe celeste terão acesso ao estádio. A partida, entretanto, ainda não tem local definido.

Por sugestão do presidente do Atlético, Alexandre Kalil, acatada pelo mandatário do Cruzeiro, Zezé Perrella, os dois não estarão ao mesmo tempo nos dois clássicos pelo Campeonato Brasileiro. Somente o mandante estará presente ao estádio.

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host