UOL Esporte Brasileirão - Série A
 
26/07/2010 - 07h55

Inconformado com expulsão de Aílson, Guarani dispara contra arbitragem

Do UOL Esporte
Em São Paulo

O Guarani já elegeu o culpado da derrota sofrida para o Corinthians, por 3 a 1, no último domingo: a arbitragem. Para o clube campineiro, a expulsão do zagueiro Aílson, que se chocou com o atacante alvinegro Jorge Henrique em um lance no meio-campo e recebeu o cartão vermelho, foi extremamente injusta. No momento, o relógio marcava 25 minutos do segundo tempo e a partida estava empata em 1 a 1.

De acordo com o coordenador de futebol bugrino, Waguinho Dias, o clube encaminhará o caso para o setor jurídico e será feito um protesto formal. “Este erro da arbitragem influenciou diretamente no resultado do jogo. Não é a primeira vez que o Guarani é prejudicado no campeonato devido a atitudes equivocadas da arbitragem”, disparou Waguinho.

Embora o Corinthians já estivesse com um homem a menos, pois Dentinho havia sido expulso momentos antes, na visão do técnico Vágner Mancini a saída de Aílson mudou o panorama da partida. “Nós superamos o Corinthians em vários momentos. Chegamos ao empate. Então, o árbitro resolve expulsar o Aílson num lance onde não houve absolutamente nada. A atitude revigorou o Corinthians, que conseguiu crescer na partida e sofremos a derrota. O Guarani não perdeu para o Corinthians, perdeu para a arbitragem”, afirmou.

Com o resultado, a equipe alviverde parou nos 14 pontos e caiu para a 12ª colocação do Campeonato Brasileiro. Na sequência da competição, o Guarani volta a campo para enfrentar o Atlético-GO, no próximo sábado, às 18h30, no Serra Dourada.

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host