UOL Esporte Brasileirão - Série A
 
Fábio Braga/Folha Imagem

Roberto Carlos avisa que encerrará carreira no clube; curso de técnico está nos planos

05/08/2010 - 19h43

Roberto Carlos recua e cogita assistir à Copa de 2014 na função de técnico

Bruno Thadeu
Em São Paulo

Roberto Carlos havia considerado a possibilidade de atuar até a Copa de 2014, quando teria 41 anos. O lateral corintiano, porém, recuou nesta quinta-feira e preferiu não cravar datas, dizendo apenas que jogará enquanto aguentar. Para os próximos anos, ele tem uma certeza: ingressará na carreira de técnico de futebol.

FELIPE GANHA CAMISA 32; 24 É CORTADA

  • Os jogadores pediram, e a diretoria do Corinthians aceitou a ideia de reutilizar numeração fixa nos uniformes, estratégia que havia sido quebrada para a disputa da Copa Libertadores. A mudança na numeração evidenciou a distância entre o goleiro Felipe e o presidente Andrés Sanchez. Nenhum jogador quis ficar com a camisa 24.

A ideia é jogar por mais dois ou três anos, ingressando posteriormente na nova função.

“Eu estou motivado para jogar. Vamos ver se consigo jogar até os 41. Acho que as pernas não vão aguentar. Quem sabe mais dois ou três anos. Mas vou pensar em fazer curso de futebol para ser treinador”, contou o lateral, em entrevista coletiva no Parque São Jorge.

Em entrevista ao site do Corinthians na quarta-feira, Roberto Carlos cogitou a possibilidade de atuar até os 41 anos, ano de Copa do Mundo no país. A seleção foi bem escalada pelo Mano, diz Roberto Carlos.

Apesar de frisar que ainda ter muitos jogos pela frente, o camisa 6 corintiano já se imagina comandando uma equipe do banco de reservas.

O Roberto Carlos treinador será adepto ao futebol para frente, calmo, mas enérgico quando preciso, destaca o jogador.

“Eu vou ser muito ofensivo. Quero ver todos atacando. Esse é o futebol atual, com todos atacando. Vou ser amigo, mas ao mesmo tempo exigir o máximo deles. Não preciso ficar em pé gritando com os jogadores, porque sei que o treinamento na semana foi bom”, disse.

“Já estou falando como treinador?”, complementou Roberto Carlos, rendendo risos dos repórteres.

Vinculado ao time alvinegro até 2013, o jogador avisou que o Corinthians será seu último clube. O sonho de se aposentar no União São João, time em que iniciou a carreira, está descartado.

“Seria bonito terminar no União, mas vou ficar no Corinthians. Estou feliz aqui”.
 

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host