UOL Esporte Brasileirão - Série A
 
08/08/2010 - 07h09

Conversa não surte efeito, e Zé Luís pede mudança de atitude no Atlético-MG

Do UOL Esporte
Em Belo Horizonte

A conversa dura entre os jogadores do Atlético-MG às vésperas da partida com o Botafogo, revelada pelo volante Zé Luís, não foi suficiente para interromper a série de maus resultados no Campeonato Brasileiro. A derrota para o Botafogo, por 3 a 0, na noite de sábado, no Engenhão, manteve a equipe mineira na zona de rebaixamento à Série B.

“Está difícil e a gente tem de tomar uma atitude. A gente está falando, falando e as coisas não vêm acontecendo. É até difícil falar alguma coisa aqui, porque está de cabeça quente e pode acabar falando besteira. Mas nossa situação é difícil”, afirmou Zé Luís.

Em 13 rodadas no Brasileirão, o Atlético foi derrotado nove vezes e somou apenas dez pontos. Zé Luís destacou que o campeonato se aproxima da metade e a equipe permanece na zona de rebaixamento. Se o Atlético-GO vencer o Ceará neste domingo, o time mineiro assumirá a lanterna da competição.

“Temos consciência que já se foi meio campeonato quase e a gente está sempre no discurso, na promessa e não está ganhando os jogos. Estou vendo que vai ficar difícil, se não mudarmos a atitude, nosso comprometimento, a gente vai ficar brigando para não cair. É triste porque a gente tem um grupo forte, são bons jogadores e, infelizmente, dentro de campo a gente não está correspondendo”, disse o volante

Para o mais jovem titular do Atlético, João Pedro, os jogadores devem tirar o time da situação complicada que o deixaram no Campeonato Brasileiro. “A gente fica triste, é uma situação incômoda que a gente está vivendo, mas acho que vai depender da gente. Nós que nos colocamos nessa situação e a gente que pode tirar”, observou.

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host