UOL Esporte Brasileirão - Série A
 
11/08/2010 - 09h12

Marcelo Mattos comemora fato de atuar com Maicosuel e Jobson no Botafogo

Pedro Ponzoni
No Rio de Janeiro

Maicosuel e Jobson deram outra cara para o Botafogo. O meia e o atacante entraram na equipe nas primeiras rodadas após a parada por conta da Copa do Mundo e transformaram a forma de jogar da equipe carioca. O volante Marcelo Mattos comemorou o fato de ter atleta dessa qualidade ao seu lado e lembrou como é complicado marcar a dupla nos treinos.

“É complicado. Tanto o Jobson como o Maicosuel deram trabalho nos primeiros treinos. Fico feliz de estar ao lado deles aqui no Botafogo. A marcação está sendo muito dura. Por isso, com a qualidade que têm podem mudar uma partida com habilidade e técnica”, afirmou.

O jogador afirmou que não gostaria de estar na pele dos próximos marcadores. Mesmo assim, não deixou de dar uma dica importante para os adversários.

“Caso eu precisasse marcar não poderia deixá-los passar, nem que precisasse fazer uma falta. Se eles não forem parados, acabam indo em direção ao gol e proporciam lances de perigo”, analisou.

Herrera aprovou a chegada dos dois jogadores. O atacante lembrou que eles agregraram qualidade ao seu futebol e a equipe pode crescer ainda mais no Campeonato Brasileiro.

 

“Os dois são jogadores de qualidade e são rápidos porque sabem sair bem com a bola dominada. É difícil marcar quem tem uma técnica refinada. Aos poucos estamos nos conhecendo. O Maicosuel só jogou duas vezes e acredito que podemos nos entrosar ainda mais”, encerrou.

O Botafogo vem em fase de crescimento no Campeonato Brasileiro. Após duas vitórias seguidas sobre Vitória e Atlético-MG, a equipe subiu para a oitava posição e tem apenas dois pontos a menos que o Internacional, primeiro time dentro do G-4. No sábado, os comandados de Joel Santana enfrentam o Atlético-GO, às 18h30, no Serra Dourada.

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host