UOL Esporte Brasileirão - Série A
 
17/08/2010 - 12h49

Antes mesmo de começar a 'febre' dos matemáticos, Flu ignora calculadora

Marlos Bittencourt
No Rio de Janeiro

O Fluminense conseguiu aproveitamento de 76% neste Campeonato Brasileiro ao alcançar dez vitórias, sofrer duas derrotas e empatar em duas oportunidades. Embora os matemáticos ainda não tenham se pronunciado sobre as chances de título, o time de Muricy Ramalho, líder isolado da competição, com 32 pontos, é apontado como o grande favorito ao bicampeonato.

Apesar dos números favoráveis, os jogadores do Fluminense estão escaldados com os matemáticos. Em 2009, eles disseram que o clube tinha 99% de chance de cair para a Série B do Brasileiro. O time surpreendeu e, numa histórica arrancada, frustrou a turma da calculadora. Fernando Henrique não quer mais saber de contas.

“Não acredito mais nos matemáticos. Muitos disseram que o Fluminense seria rebaixado e deu no que deu. O time lutou até o fim e se livrou. Nem quero saber de cálculos. Estamos lutando pelo título, mas ainda não conquistamos nada”, afirmou o goleiro tricolor.

Washington não estava no Fluminense em 2009, mas acompanhou à distância a dramática situação vivida pelo time no Brasileiro. Ele reafirmou, em parte, as palavras de Fernando Henrique sobre as constatações dos matemáticos. Por outro lado, quer acreditar que as contas sejam favoráveis, caso o pessoal dos números aponte o Tricolor como provável campeão.

“O Fluminense mostrou no ano passado que os matemáticos estavam todos errados, mas dessa vez espero que eles acertem se estiverem apontando o Fluminense como campeão. Mas é bom lembrar que ainda falta muito para chegar ao título”, disse o centroavante.

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host