UOL Esporte Brasileirão - Série A
 
24/08/2010 - 17h19

Joel não prevê facilidade diante do Ceará: "Será um jogo difícil e chato"

Pedro Ponzoni
No Rio de Janeiro

Considerado por muitos como um dos azarões do Campeonato Brasileiro, o Ceará vem surpreendendo até o momento. A situação, no entanto, vem sendo encarada de outra forma por Joel Santana. O técnico do Botafogo pregou muito respeito aos nordestinos visando o jogo de quarta-feira, às 19h30, no Engenhão, pela 16ª rodada da competição.

Em sua opinião, o adversário vem demonstrando muita força porque está conseguindo se manter nas primeiras posições desde o início do certame. Por esse motivo, o técnico procurou valorizá-lo e prevê dificuldades.

“Não podemos tirar o mérito de uma equipe que já foi líder e vem ocupando as cinco primeiras posições desde o início da competição. Eles ganharam do líder, empataram com o segundo colocado e com o Santos”, afirmou o Joel, emendando.

“Eles trocaram de técnico três vezes, mas já estão vivendo um bom momento. Tive a oportunidade de ver a última partida. Posso dizer que será um jogo difícil e chato para nós. Acho que eles vão transferir a responsabilidade para nós. Mas sem problema”, avaliou.

 

O comandante alvinegro lembrou que assim como ocorreu na vitória sobre o Avaí, sábado, no Engenhão, sua equipe terá frente um adversário que se fechará na defesa.

“Talvez a partida seja pior do que contra o Avaí. No último jogo o torcedor teve paciência mesmo assim. Dessa forma, atuou conosco e tivemos uma supremacia. Espero que isso se repita”, disse.

O sistema defensivo do Ceará é mais um fator que incomoda Joel Santana. Isto porque, a equipe é a que menos levou gol até o momento no Brasileirão.

“Esse é mais um ponto para nos preocupar porque a defesa deles é bem postada. Jamais levou mais que dois gols nas partidas que disputou nesse Brasileiro. Precisamos ter atenção porque no futebol não adianta ter nome se a equipe não corresponde”, encerrou.

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host