UOL Esporte Brasileirão - Série A
 
02/09/2010 - 01h33

Cuca vê "jogo fantástico" do Cruzeiro, mas lamenta chances perdidas

Do UOL Esporte
Em Belo Horizonte
  • Para Cuca, time celeste foi bem técnica e taticamente na vitória sobre o Flamengo

    Para Cuca, time celeste foi bem técnica e taticamente na vitória sobre o Flamengo

Satisfeito com a segunda vitória do Cruzeiro em Uberlândia em dois jogos, o técnico Cuca definiu como “fantástica” a atuação do time celeste no triunfo por 1 a 0 sobre o Flamengo, na noite desta quarta-feira, no Parque do Sabiá, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. O treinador lamentou apenas o excesso de chances de gols perdidas.

Com a vitória, o Cruzeiro subiu para a quinta colocação, com 28 pontos, a dez do líder Fluminense. “Diminuímos dois pontos do líder, encostamos no G4. Vencemos os dois times de maior torcida no País, Corinthians e Flamengo. Jogamos um grande futebol, a lamentar apenas o ‘score’. Em termos táticos e técnicos, aplicação e velocidade, foi um jogo fantástico”, avaliou Cuca.

Diante do Flamengo, Cuca abdicou do esquema 3-5-2 que havia utilizado nas duas rodadas anteriores e escalou a equipe no 4-4-2. Para o treinador cruzeirense, a composição do meio-campo levou o time celeste a dominar o adversário.

“A gente sabia que o Flamengo iria fazer um terceiro zagueiro com o Correa e nós ganhamos o meio-campo com um losango. Isso nos dava sempre uma posse de bola maior e a velocidade na frente”, observou.

Após o triunfo, Cuca lamentou o risco que a equipe correu ao perder muitas chances de gol. “O jogo se desenhou totalmente para nós a partir dos 20min do primeiro tempo e, na segunda etapa, a equipe foi muito bem e pecamos na finalização. Perdemos gols em quatro contra três, quatro contra dois, cinco contra três, e deixamos de fazer o 2 a 0, o 3 a 0, e, no final isso pode fazer falta. Se você toma uma bola parada e o Flamengo acaba empatando, frustra tudo”, ressaltou.

A reclamação quanto às oportunidades de gol desperdiçadas já havia acontecido no empate em 1 a 1 com o Vasco, no último sábado. Para Cuca, falta concentração no momento de finalizar as jogadas.

“Temos que nos concentrar mais para definir as jogadas. Nós estamos criando bem, chegando com força e tem que saber matar o jogo. Jogo de Campeonato Brasileiro, você não pode dar chance, são todos times bons, bem equilibrados. Até o último minuto, você passa um medinho, porque o jogo estava 1 a 0, um jogo em que você podia ter feito o segundo e o terceiro”, salientou.

Apesar das lamentações, Cuca destacou o resultado positivo. “Lá dentro é momento. Às vezes, você tenta aquele passe, como a gente errou duas ou três vezes com o Wallyson, um passe fácil. O jogador de velocidade não tem essa condição do passe, ele toca e sai na frente para receber e, às vezes, erra. Aconteceu isso no segundo tempo, mas não temos que lamentar, temos é que comemorar um grande jogo do Cruzeiro, a torcida feliz e mais uma vitória que nos encaminha direto no nosso objetivo”, comentou.

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host