UOL Esporte Brasileirão - Série A
 
06/09/2010 - 09h04

Com o técnico Adilson Batista, Corinthians fica mais goleador

Folhapress
Em São Paulo

Com sua primeira goleada no Brasileiro, o Corinthians afasta de vez os traços do estilo competitivo do ex-técnico Mano Menezes. E o troca pela ousadia do seu novo treinador, Adilson Batista. A equipe alcançou uma média de dois gols por partida nos sete jogos sob o comando do técnico. Com Mano, em dez jogos do Brasileiro, essa média era de 1,8 gol.

O Corinthians só não tem marcado mais por falta de centroavante, devido às seguidas ausências de Ronaldo. Contra o Goiás -com um jogador a mais-, o time concluiu 28 vezes a gol.

Na volta de Ronaldo, contra o Atlético-PR, Adilson estuda quem sairá do time. Ele brincou sobre a possibilidade de escalar uma equipe muito ofensiva nesse jogo, já que Iarley e Jorge Henrique foram bem contra o Goiás. Além de Ronaldo, Adilson conta com a volta de Elias, que estava suspenso, para a partida de quarta-feira.

No entanto, Chicão e William, machucados, continuam de fora. Paulo André está suspenso após receber o terceiro cartão amarelo. Leandro Castan deverá ser mantido na equipe titular. O atacante Dentinho, que se recupera de lesão muscular, será reavaliado e pode voltar.

Será a chance de o Corinthians também provar que consegue vencer fora de casa, já que seu único triunfo como visitante foi contra o Grêmio, em uma longínqua segunda rodada do Nacional. Jogadores têm dito que é preciso passar a ganhar fora para chegar ao título.
 

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host