UOL Esporte Brasileirão - Série A
 
Neco Varella/Freelancer

Ralf marcou um dos gols do Corinthians na única vitória do time fora de casa

06/09/2010 - 07h01

Corinthians cai na estrada para superar aproveitamento de rebaixado fora de casa

Thales Calipo
Em São Paulo

Se o Corinthians está na segunda colocação, a um ponto do líder Fluminense, muito se deve à força da equipe alvinegra quando atua como mandante. O time do técnico Adilson Batista é o único neste Campeonato Brasileiro que ganhou todas as partidas em casa. Com esse aproveitamento como exemplo, o clube busca agora subir de produção como visitante, começando nesta quarta-feira, às 22h, contra o Atlético-PR, na Arena da Baixada.

APROVEITAMENTO FORA DE CASA

  Aproveitamento Pontos Jogos
Fluminense 56,6% 17 10
Internacional 54,1% 13 8
Cruzeiro 50% 15 10
Botafogo 48,1% 13 9
Santos 40% 12 10
Vasco 36,6% 11 10
São Paulo 33,3% 10 10
Flamengo 33,3% 9 9
Palmeiras 33,3% 9 9
Atlético-PR 30% 9 10
Corinthians 29,1% 7 8
Grêmio Prudente 26,6% 8 10
Guarani 25,9% 7 9
Goiás 23,3% 7 10
Ceará 22,2% 6 9
Avaí 22,2% 6 9
Vitória 20% 6 10
Grêmio 20% 6 10
Atlético-MG 18,5% 5 9
Atlético-GO 18,5% 5 9

Até agora, o Corinthians realizou oito jogos fora de casa. Foram três derrotas (Cruzeiro, Avaí e Atlético-GO), quatro empates (Palmeiras, Ceará, Botafogo e Grêmio Prudente) e apenas uma vitória (Grêmio), somando assim sete pontos, ou 18,9% do total de pontos da equipe na competição.

O Fluminense, por exemplo, que por enquanto é o grande concorrente do Corinthians ao título, tem retrospecto como visitante bem diferente, com cinco vitórias, dois empates e três derrotas, o que representa o melhor aproveitamento entre os 20 clubes do Campeonato Brasileiro.

Curiosamente, Grêmio Prudente e Goiás, que estão na zona do rebaixamento, têm um desempenho próximo ao do Corinthians fora de casa. Enquanto os prudentinos somaram oito pontos como visitantes (26,6%), os goianos têm sete (23,3%), mas como uma vitória a mais do que o time alvinegro, que por sua vez tem um aproveitamento melhor (29,1%).

O mau retrospecto fora de casa é encarado com naturalidade pelo técnico Adilson Batista, mesmo com as cobranças públicas por uma melhora feitas por alguns atletas do elenco alvinegro, como o lateral-esquerdo e atual capitão Roberto Carlos.

“O Roberto Carlos disse que às vezes precisa mudar a postura de jogar fora de casa, e pela experiência, o dia a dia e o tempo que estou aqui sei que algumas coisas podem mudar. Mas sem desespero, pois não há necessidade”, minimizou o treinador alvinegro, que pregou cautela com o Atlético-PR, que perdeu pela última vez no seu estádio no dia 14 de julho (três vitórias e dois empates, desde então).

“O Atlético é um time que cresceu, pois o Paulo [César Carpegiani] está fazendo um bom trabalho, e sempre é difícil jogar na Arena da Baixada”, completou o comandante alvinegro.

Para a partida contra o Atlético-PR, o Corinthians terá os desfalques de Paulo André e Defederico (suspensos), além de Chicão e Dentinho (contundidos). William e Ronaldo ainda serão reavaliados e seguem como dúvidas.

 

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host