UOL Esporte Brasileirão - Série A
 
06/09/2010 - 19h55

Fla ainda deve por Borja; Zico deixa assunto com o departamento de finanças

Vinicius Castro
No Rio de Janeiro
  • A contratação de Cristian Borja está sendo muito contestada por grande parte da torcida rubro-negra

    A contratação de Cristian Borja está sendo muito contestada por grande parte da torcida rubro-negra

Problema dentro e fora de campo. Esta é a situação que envolve o atacante colombiano Cristian Borja no Flamengo. Contratado por empréstimo de um ano ao Caxias, do Rio Grande do Sul, por R$ 300 mil divididos em três parcelas, o jogador não agradou aos torcedores e segundo a diretoria do clube gaúcho, o Flamengo nem sequer quitou a primeira parcela da transação.

A terceira parcela vencerá no próximo dia 20 deste mês e o Caxias do Sul aguarda receber ao menos a primeira ou uma ligação para um novo acordo com o clube carioca. Até o momento, nenhum dirigente rubro-negro fez contato com o clube gaúcho.

Na tarde desta segunda-feira, Zico não atendeu aos jornalistas e informou via assessoria de imprensa que o assunto está sendo resolvido pelo vice de finanças, Michel Levy. No entanto, o dirigente permaneceu com o telefone desligado durante todo o dia.

 

Na Gávea, a contratação do jogador vem sendo usada como munição pela oposição da presidente Patrícia Amorim. Os conselheiros não se conformam com a chegada de Cristian Borja e Val Baiano ao clube.

Inclusive, alguns cogitam convocar uma reunião para pedir esclarecimentos aos dirigentes sobre as recentes negociações realizadas pelo departamento de futebol do clube.

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host