UOL Esporte Brasileirão - Série A
 
Agência Photocamera

Jogadores do Flu comemoram o gol do título, marcado pelo atacante Emerson

05/12/2010 - 18h59

Emerson faz gol 'salvador', Flu derrota o Guarani e conquista o Brasileiro

Do UOL Esporte
No Rio de Janeiro

Foram 26 anos de espera e muito sofrimento neste domingo. Porém, isso acabou. Com a vitória sobre o Guarani por 1 a 0, no Engenhão, o Fluminense faturou o seu segundo título brasileiro da história, que teve a sua primeira edição em 1971. O gol “salvador”, aos 16 minutos do segundo tempo, foi marcado pelo atacante Emerson. Além destas conquistas, o Tricolor tem mais dois troféus de expressão no cenário nacional: a Taça de Prata de 1970 (Roberto Gomes Pedrosa, considerado o Brasileiro da época) e a Copa do Brasil de 2007.

Com a vitória e, consequentemente, o título, o Fluminense, que liderou a competição por 24 rodadas (incluindo a última), terminou com 71 pontos, contra 69 do Cruzeiro, que derrotou o Palmeiras por 2 a 1, e 68 do Corinthians, que empatou com o Goiás em 1 a 1.

“O título é de todo mundo, mesmo aqueles jogadores que não atuaram muito. Não tem essa de eu ser o responsável pelo título. O grupo do Fluminense sempre foi muito unido em todo o Brasileiro”, salientou Emerson.

Nesta vitoriosa campanha, destaque especial para Darío Conca. O argentino terminou o Brasileiro com a façanha de ter sido o único jogador de linha a entrar em campo nas 38 rodadas da competição. A tendência é de que ele seja eleito, nesta segunda-feira, em evento no Rio de Janeiro, o craque do campeonato.

Quem também se destacou na campanha foi Muricy Ramalho. Com uma proposta da CBF para comandar a seleção brasileira, o treinador seguiu no Fluminense e, como recompensa, faturou o seu quarto título brasileiro (três pelo São Paulo), se consolidando com o “rei dos pontos corridos”.

MELHORES MOMENTOS DA PARTIDA

PRIMEIRO TEMPO
32min - Mariano recebe a bola na direita e cruza. Fred entra de cabeça e o goleiro Emerson pega no canto direito
35min - Mariano cruza, Emerson ajeita de cabeça para Fred, que, na pequena área, manda a bola por cima do travessão
39min - Após cobrança de escanteio, Ailson cabeceia, Reinaldo fica com a bola na pequena área, mas Ricardo Berna pula nos pés do atacante e evita o gol
SEGUNDO TEMPO
16min - GOOOLLL DO FLUMINENSE!!! Carlinhos cruza da esquerda, Washington desvia e a bola sobra para Emerson marcar
39min - A bola é lançada para frente, Washington ajeita de cabeça até Rodriguinho, que chuta para a boa defesa de Emerson

Juntando toda a história da competição, Muricy Ramalho, agora, vem na segunda posição, superado apenas por Vanderlei Luxemburgo. O atual treinador do Flamengo venceu as edições de 1993 (Palmeiras), 1994 (Palmeiras), 1998 (Corinthians), 2003 (Cruzeiro) e 2004 (Santos).

O jogo

Com o Engenhão lotado (cerca de 41 mil presentes), o Fluminense entrou em campo com tudo a seu favor. Porém, a ansiedade inicial da partida atrapalhou a equipe, que errou passes e dava sinais de nervosismo. Mesmo já rebaixado e sem qualquer pretensão no Brasileiro, o Guarani jogava solto.

Com 20 minutos, o Fluminense não tinha dado um chute ao gol de Emerson. É bem verdade que o Guarani também não, mas por estar jogando para ser campeão, o Tricolor, ainda muito nervoso, apresentava um futebol bem abaixo do esperado.

A primeira real chance tricolor veio aos 32, numa cabeçada de Fred. Três minutos depois, o mesmo atacante desperdiçou na pequena área. Esses lances deram a impressão que o Fluminense seria “outro” na partida. Porém, além do nervosismo, time não conseguia superar a forte e boa marcação do Guarani. O primeiro tempo terminou mesmo 0 a 0.

O Fluminense voltou para o segundo tempo um pouco mais calmo, mas ainda longe do ideal. Com Darío Conca e Júlio César, os homens de criação sumidos da partida, a equipe não tinha opção e tentava algo cruzando as bolas para dentro da área.

Aos 11, com câimbras, Júlio César precisou sair e foi substituído por Washington. A situação continuava complicada. Porém, aos 16 minutos, após cruzamento de Carlinhos e um desvio de Washington na bola, Emerson abriu o placar e deixou o Fluminense muito próximo do título brasileiro.

Com três atacantes, Muricy Ramalho, em função da vitória parcial tricolor, recompôs o seu meio de campo. Aos 22 minutos, o treinador sacou Fred e colocou o volante Fernando Bob. Com o título ficando mais próximo, o nervosismo e a ansiedade da equipe carioca foram embora.

A partir dos 30 minutos, o Fluminense recuou e chegou a preocupar a sua torcida. O gol do Cruzeiro, que assegurou a vitória por 2 a 1, trouxe apreensão ao Tricolor. Porém, nada mais mudaria o destino: Fluminense, campeão brasileiro.

Ficha da Partida

Fluminense Fluminense Técnico: Muricy Ramalho
1. Ricardo Berna
2. Mariano
3. Gum
4. Leandro Euzébio
6. Carlinhos
5. Valencia
8. Diguinho
7. Julio Cesar
99. Washington
11. Conca
9. Fred
16. Fernando Bob
10. Emerson
17. Rodriguinho
1 0
Guarani Guarani Técnico: Vagner Mancini
1. Emerson
2. Guilherme
13. Pablo
4. Ailson
3. Aislan
6. Fabiano
5. Maycon
8. Paulinho
11. Ronaldo
7. Apodi
10. Márcio Careca
17. Geovane
9. Reinaldo
18. Douglas

Data: 05/12/2010 - 17h00

Local: Engenhão

Árbitro: Carlos Eugênio Simon

Auxiliares: Altemir Hausmann e Roberto Braatz

Público: 35.527

Renda: R$ 2.859.450

Placar UOL no iPhone

Hospedagem: UOL Host