! Gallo é demitido do Avaí depois da terceira derrota consecutiva - Futebol - $estacao.titulo

UOL futebol

  • http://esporte.uol.com.br/futebol/campeonatos/brasileiro/serie-a/ultimas-noticias/2011/08/18/gallo-e-demitido-do-avai-depois-da-terceira-derrota-consecutiva.htm
  • Gallo é demitido do Avaí depois da terceira derrota consecutiva
  • 16/01/2019
  • UOL Esporte - Futebol
  • @UOLEsporte #UOL
  • 2
Tamanho da letra
18/08/2011 - 15h35

Gallo é demitido do Avaí depois da terceira derrota consecutiva

Do UOL Esporte
Em São Paulo
  • Técnico Alexandre Gallo acaba demitido pela diretoria após revés diante do Vasco na quarta

    Técnico Alexandre Gallo acaba demitido pela diretoria após revés diante do Vasco na quarta

Depois de três derrotas seguidas, Alexandre Gallo não é mais treinador do Avaí. Apesar de ter dito após a derrota por 2 a 0 para o Vasco, na quarta-feira, que o time vinha evoluindo e que não seria “covarde” de pedir demissão, o técnico acabou sendo demitido. Antes do revés para o clube carioca, o Avaí perdeu para São Paulo (2 a 1) e Cruzeiro (5 a 0).

O site oficial do clube catarinense anunciou na tarde desta quinta-feira que Gallo “foi desligado do clube após reunião”. Na mesma nota, a diretoria do clube informou que auxiliar técnico Maurício Copertino e o preparador físico Elliot Alves também deixaram os respectivos cargos.

Gallo deixa o Avaí na penúltima posição na tabela de classificação do Brasileiro. Em 13 jogos sob o comando do treinador, o clube obteve três vitórias, três empates e sete derrotas. Na próxima rodada, o clube catarinense vai receber o Coritiba, domingo, às 16h, na Ressacada. Caso a diretoria ainda não consiga contratar um novo profissional, o auxiliar Edson dos Santos, o Neguinho, irá comandar a equipe.

A missão do novo treinador será evitar a iminente queda para a Série B do Campeonato Brasileiro. No momento, o clube catarinense tem apenas três pontos a menos que o primeiro time fora da "turma da degola", o Atlético-PR.

Alexandre Gallo vinha sendo questionado por conta de seu trabalho irregular à frente do Avaí. No início do mês, a equipe chegou encaixar duas vitórias seguidas sobre Corinthians (3 a 2) e Ceará (3 a 0). Após a goleada sofrida para o Cruzeiro no último sábado o cargo do treinador ficou novamente ameaçado e a diretoria resolveu esperar o jogo contra o Vasco. Como o time acabou perdendo outra partida, ele acabou não resistindo.