! Corinthians celebra 4 anos de retorno à Série A e avisa: 'Quem não riu, não vai rir mais' - Futebol - $estacao.titulo

UOL futebol

  • http://esporte.uol.com.br/futebol/campeonatos/brasileiro/serie-a/ultimas-noticias/2012/10/25/corinthians-celebra-4-anos-de-retorno-a-serie-a-e-avisa-quem-nao-riu-nao-vai-rir-mais.htm
  • Corinthians celebra 4 anos de retorno à Série A e avisa: 'Quem não riu, não vai rir mais'
  • 20/08/2017
  • UOL Esporte - Futebol
  • @UOLEsporte @UOL
  • 2
Tamanho da letra
Corinthians conquistou o título da série B em 2008 com várias rodadas de antecedência

Corinthians conquistou o título da série B em 2008 com várias rodadas de antecedência

25/10/2012 - 14h28

Corinthians celebra 4 anos de retorno à Série A e avisa: 'Quem não riu, não vai rir mais'

Do UOL, em São Paulo

O Corinthians celebrou nesta quinta-feira os quatro anos de retorno à série A do Campeonato Brasileiro, cuja volta foi sacramentada após vitória contra o Ceará, 2 a 0, no Pacaembu.

Na chamada principal do site oficial do clube foi apresentada uma imagem com Alessandro e Douglas comemorando, com os dizeres “Quem riu, riu. Quem não riu, não vai rir mais”.

Aquela tarde de 25 de outubro de 2008 teve Pacaembu lotado para conferir a possibilidade de o Corinthians subir por antecipação à série A a cinco rodadas do fim. Para que isso acontecesse já na rodada 34, o time paulista precisava bater o Ceará e o Barueri tropeçar diante do Paraná. E a combinação aconteceu.

No intervalo do jogo no Pacaembu, o sistema de som tocou “Eu voltei, agora pra ficar...”, de Roberto Carlos.

Após o apito final, o goleiro Felipe saiu em direção à torcida, pulando a grade para celebrar com os torcedores. Dentinho fez o mesmo. Felipe e Dentinho eram uns dos poucos que haviam participado do descenso corintiano, em 2007.

Ficha técnica de Corinthians 2 x 0 Ceará, em 25 de outubro de 2008

CORINTHIANS

Felipe; Alessandro (Carlos Alberto), Chicão, William e André Santos; Cristian, Elias, Douglas (Lulinha) e Morais (Wellington Saci); Dentinho e Herrera
Técnico: Mano Menezes

CEARÁ
Adilson; Dedé, Fabrício, Dezinho e Jorge Guerra; Michel (Mancuso), Chicão, Cleisson, Marcos Paraná (Ederson) e Cadu; Sérgio Alves (Charles Chad)
Técnico: Lula Pereira

Local: estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)
Árbitro: Maurício Aparecido de Siqueira (MT)
Auxiliares: Luiz Fernando Irineu da Silva e Fábio Rodrigo Rubinho (ambos do MT)
Público: 32.341 pagantes (35.426 no total)
Renda: R$ 660.445,00
Cartões amarelos: André Santos e William (Corinthians); Fabrício, Marcos Paraná, Michel (Ceará)
Gols: Douglas, aos 8min do primeiro tempo; Chicão, aos 4min do segundo tempo