Topo

Esporte


Elias reclama de cartão por comemoração com torcida: 'futebol está chato'

FABIO CASTRO/AE
Elias conseguiu marcar e garantir empate do Flamengo aos 49min do segundo tempo Imagem: FABIO CASTRO/AE

Pedro Ivo Almeida

Do UOL, no Rio de Janeiro

2013-07-29T17:05:08

29/07/2013 17h05

Apesar de toda a festa pelo gol aos 49 minutos do segundo tempo que garantiu o empate contra o Botafogo no último domingo, o volante Elias aproveitou a entrevista coletiva da tarde desta segunda-feira para fazer um desabafo. O destaque rubro-negro no clássico do Maracanã reclamou do cartão amarelo recebido pelo fato de ter ido comemorar o gol com a torcida nas arquibancadas mais próximas do gramado.

"O futebol está chato. Está ficando uma coisa complicada. Não podemos mais comemorar com o povo. Acho isso muito errado. Os torcedores pagam ingressos caros e merecem participar da festa", defendeu Elias.

"Está na hora de mudar isso. As pessoas que tomam conta do futebol precisam rever essa decisão. Essa sugestão de punir quem comemora com a torcida não é legal. Lá na Europa, por exemplo, o que mais tem é jogador festejando com torcida. Já vi até gente pulando na arquibancada depois do gol", relembrou.

Elias ainda disse que a comemoração intensa também ocorreu por conta do gol sofrido nos últimos minutos do jogo anterior, na derrota contra o Internacional.

"Ontem [domingo] foi um desabafo da outra semana. Doeu muito lutar até o fim lá em Caxias do Sul e tomar aquele gol. Estávamos marcando bem, postados corretamente, segurando o empate, mas acabamos derrotados. Contra o Botafogo foi o contrário. Festejamos muito por isso também".

Por fim, o herói do empate rubro-negro destacou a emoção de marcar um gol no Maracanã e disse que a cena não sairá de sua memória. "Não tem nem muito o que falar. Marcar o primeiro gol nesse estádio justamente no último minuto de um clássico é muito bom. Vou levar isso para a vida toda, contar para filhos e netos".

Confira as fotos da rodada deste domingo do Campeonato Brasileiro
Veja Álbum de fotos

Mais Esporte