Topo

Esporte


Flu e Vasco são primeiros grandes cariocas a caírem no mesmo ano no BR

Renan Rodrigues

Do UOL, no Rio de Janeiro

2013-12-08T20:10:19

08/12/2013 20h10

Fluminense e Vasco fizeram história no Campeonato Brasileiro neste domingo. Mas de maneira negativa, já que, pela primeira vez na competição, dois times grandes cariocas foram rebaixados em uma mesma edição. Para piorar, o time das Laranjeiras também se tornou o primeiro clube a ser campeão nacional em uma temporada e cair de divisão no ano seguinte.

O Fluminense foi rebaixado apesar de vencer o Bahia por 2 a 1 na Arena Fonte Nova, em Salvador. Como dependia de outros resultados, o time das Laranjeiras caiu enquanto ainda estava em campo, com a vitória por 1 a 0 do Coritiba, que se salvou, sobre o São Paulo. O Vasco foi rebaixado em uma partida com cenas lamentáveis de violência entre torcidas, ao ser derrotado por 5 a 1 pelo Atlético-PR, na Arena Joinville.

Se nos últimos dez anos, início da era dos pontos corridos, os cariocas conquistaram três títulos nacionais - Flamengo, em 2009, e Fluminense, em 2010 e 2012 -, agora o número de rebaixamentos é o mesmo. Três quedas no mesmo período e um abalo no prestígio do futebol do estado, na visão do ex-jogador e deputado federal Romário. 

“O glamour e o respeito começam a diminuir. Jogadores que estão lá fora e serão repatriados e outros grandes jogadores que jogam no Brasil, na hora de decidir em qual time jogar, não vão optar por um time grande que esteja na segunda divisão. Vão preferir atuar em um clube médio que esteja na primeira”, disse Romário.

Botafogo, Fluminense e Vasco já disputaram a segunda divisão, mas sempre em anos distintos. O primeiro rebaixado foi o Tricolor, que caiu à série B em 1998 e a à série C no ano seguinte. O clube de General Severiano foi rebaixado em 2002, enquanto o Vasco viveu o drama do descenso em 2008.

Em 1988, antes da fórmula dos pontos corridos e no primeiro Brasileirão com rebaixamento, Bangu e America-RJ caíram para a segunda divisão. Foi justamente a primeira vez que times do mesmo estado desceram à série B.

O técnico e diretor de futebol René Simões, que participou da campanha do rebaixamento do Vasco e também já trabalhou no Fluminense, diz que o problema é generalizado. Ele aponta as grandes dívidas dos quatro clubes e a falta de estrutura ideal como responsável pelo momento de queda.

“Vejo a oscilação como um problema do futebol carioca em geral. O Flamengo, por exemplo, deveria ter passado pelo mesmo problema. Priorizou pagar os débitos. Apenas agora começaram a pensar em pagar dívidas, construir os centros de treinamento. E esse processo é difícil, muitas vezes a parte esportiva acaba pagando. Quando começamos a temporada no Vasco, o discurso era de que 2013 seria um ano de dificuldades”, disse René.

O rebaixamento fará com que o Rio de Janeiro tenha menos representantes na série A que o estado de Santa Catarina. Além do Criciúma, que se salvou, Chapecoense e Figueirense conseguiram o acesso para 2014. Minas Gerais, Porto Alegre, Bahia e Curitiba terão o mesmo número de representantes que os cariocas.

Mais Esporte