Coritiba vence o Grêmio com gol contra para lá de estranho

Do UOL, em Porto Alegre

O Coritiba já vencia o Grêmio, mas acabou ganhando uma 'ajuda' de dois gringos do Tricolor para garantir o resultado, neste sábado (16), pela segunda rodada do Brasileirão. No segundo tempo, após rebote de Marcelo Grohe, Matías Rodríguez chutou a bola em Erazo e a pixotada acabou em gol contra. O placar, com auxilio involuntário, terminou 2 a 0.

Marcelo Grohe nada pôde fazer. A tentativa de afastar de Matías estourou no companheiro, que também tinha feito movimento de chute. E depois de bater em Erazo, a bola subiu, entrando lentamente no ângulo da meta gremista. 

O Coritiba se recupera da derrota na estreia e chega a três pontos. Além do gol contra, Thiago Galhardo tinha marcado o primeiro. Já o Grêmio chega ao segundo compromisso sem vitória. Após empatar em casa na abertura do torneio, agora a derrota deixa os gaúchos com apenas um ponto. 
 
Na próxima rodada os paranaenses terão pela frente o Sport, em Pernambuco, domingo. Já o Grêmio receberá o Figueirense, na Arena, sábado. 
 
Fases do jogo:
Grêmio e Coritiba fizeram um jogo tecnicamente pobre. Poucas foram as vezes que tricolores ou paranaenses chegaram ao gol rival. Muitos erros de passes privaram os setores ofensivos, povoados de jogadores, de algo mais efetivo. 
 
Mas em meio a pouca criação, o Coritiba foi melhor. Ruy fugiu da mesmisse nas atitudes dos atletas e tratou de assumir o comando do jogo. Em uma das jogadas criadas por ele, arranjou um cruzamento pela esquerda de ataque que encontrou Thiago Galhardo, livre. De primeira, aos 27 minutos, ele abriu o marcador. 
 
Felipão tratou de mudar ainda no primeiro tempo. Tirou Júnior, que é lateral esquerdo, e colocou o atacante Yuri Mamute. O lado da defesa passou a ser de Marcelo Oliveira. Maicon virou volante, Giuliano foi centralizado e Pedro Rocha, Luan, e Mamute montaram trio de ataque. 
 
Mas no primeiro lance após a troca, o segundo gol do Coritiba. Marcelo Grohe fez linda defesa em arremate de Rafhael Lucas, mas no rebote, Matías Rodríguez e Erazo foram afastar. O argentino chutou, a bola bateu no equatoriano e morreu na rede: 2 a 0 aos 33 minutos, em um gol bizarro. 
 
O Grêmio parecia tonto. Como se tivesse levado duros golpes em qualquer luta, o time gaúcho só abandonou as cordas com uma batida de Pedro Rocha, aos 42 minutos, da entrada da área. O goleiro Bruno colocou para escanteio. E aos 43, o time visitante poderia ter descontado. Giuliano entrou sozinho cara a cara com goleiro, rolou para Yuri Mamute, que dominou e bateu. Mas Bruno se recuperou e evitou o gol. 
 
No segundo tempo, o Grêmio voltou empenhado em marcar. Logo aos 7 minutos, Pedro Rocha cruzou e Yuri Mamute desviou. Seria gol não fosse brilhante defesa do goleiro Bruno. Mas até os 20 minutos, não houve nova conclusão. Chances acabaram cada vez mais raras e o 2 a 0 foi placar final.
 
O melhor: Ruy - Foi a principal arma do Coritiba e participou dos dois gols. 
 
O pior: Matías Rodríuez - O primeiro gol saiu às suas costas. No segundo, foi afastar, chutou em Erazo e deu origem a um gol contra bizarro. 
 
Chave do jogo: Erro bizarro - Quando Felipão mudou o Grêmio taticamente para tentar empatar o jogo, a defesa cometeu um erro grotesco, marcando gol contra em um lance que já não tinha tanto perigo. Foi um 'balde de água fria' no time. 
 
Toque dos técnicos: 
Marquinhos Santos postou o Coritiba ofensivamente. O time da casa não escondeu vocação pelo ataque e foi montado no 4-3-3. O posiconamento do meio, ainda, levou os atacantes a ficarem muito próximos do gol de Marcelo Grohe. 
 
Já Felipão repetiu o Grêmio do último jogo. No 4-4-2, aproximou Luan e Pedro Rocha como dupla de ataque, deixando Maicon e Giuliano na criação. Ainda no primeiro tempo, mudou o esquema para o 4-3-3, mas igualmente viu sua equipe criando pouco. 
 
CORITIBA 2 X 0 GRÊMIO
 
Data: 16/05/2015 (sábao)
Local: estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG/Fifa)
Auxiliares: Guilherme Dias Camilo e Márcio Eustáquio Santiago (ambos MG/Fifa)
Cartões amarelos:  Ruy (CTB), Norberto (CTB); Marcelo Oliveira (GRE), Maicon (GRE), Pedro Geromel (GRE)
Gols: Thiago Galhardo, do Coritiba, aos 27 minutos do primeiro tempo; Matías Rodríguez, do Grêmio, contra, aos 33 minutos do segundo tempo; 
 
CORITIBA
Bruno; Norberto, Leandro Almeida, Wellington e Ivan; João Paulo, Hélder e Rosinei (Fabrício); Ruy, Thiago Galhardo (Walysson) e Rafhael Lucas (Negueba). 
Técnico: Marquinhos Santos
 
GRÊMIO
Marcelo Grohe; Matías Rodríguez, Erazo, Pedro Geromel e Júnior (Yuri Mamute); Walace (Fellipe Bastos), Marcelo Oliveira, Luan, Maicon e Giuliano; Pedro Rocha (Everton). 
Técnico: Luiz Felipe Scolari

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos