Sport liquida Inter em 35 min, aplica 3 a 0 e segue na liderança

Do UOL, em Porto Alegre

O Sport precisou de apenas 35 minutos para não só vencer, mas liquidar por completo com o Internacional. Mesmo sem Diego Souza, suspenso, o time de Recife fez valer seu mando de campo na noite desta quarta-feira (01), em partida da 10ª rodada do Campeonato Brasileiro. André, duas vezes, e Marlone marcaram os gols em uma partida controlada, segura, na Ilha do Retiro.

A atuação do Inter foi para lá de apática e o Sport com jogo oposto. Elétrico, pelo menos até abrir larga vantagem. Sem Ernando, D'Alessandro e Lisandro López – preservados por desgaste, e Nilton como zagueiro, o Colorado teve uma defesa exposta e ataque inofensivo. Mesmo com maior posse de bola, o time de Porto Alegre não esteve nem perto de esboçar reação. Nos últimos minutos, o lateral direito Léo ainda foi expulso por entrada violenta.

O resultado sustenta o Sport de Eduardo Baptista na primeira colocação do Campeonato Brasileiro, com 22 pontos. O Internacional, que sonhava com um salto na tabela a partir da segunda vitória consecutiva, continua estacionado nos 13 pontos.

FICHA TÉCNICA
SPORT 3 X 0 INTERNACIONAL

Data: 01/07/2015 (quarta-feira)
Local: Ilha do Retiro, em Recife (PE)
Árbitro: Pericles Bassols (RJ)
Auxiliares: Rodrigo Correa (RJ) e Luiz Cláudio Regazone (RJ)
Cartões amarelos: Régis, André (SPO); Alan Costa, Geferson (INT)
Cartão vermelho: Léo (INT)
Gols: André, aos 9 minutos e aos 35 minutos do primeiro tempo. Marlone, aos 29 minutos do primeiro tempo

SPORT: Danilo Fernandes; Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Durval e Renê; R Mancha, Rithely, Marlone (Danilo) e Régis (Samuel); Maikon Leite (Neto) e André
Técnico: Eduardo Baptista

INTERNACIONAL: Muriel; Léo, Nilton, Alan Costa e Geferson; Nico Freitas, Wellington (Rodrigo Dourado), Jorge Henrique e Valdívia (Vitinho); Nilmar (Alisson Farias) e Rafael Moura
Técnico: Diego Aguirre

 

Fases do jogo

  • Primeiro tempoO Inter teve um começo regular, mas antes dos nove minutos sucumbiu. Após erro de Nico Freitas, Alan Costa fez pênalti em Maikon Leite e André marcou 1 a 0. Com a defesa exposta, o Colorado penou diante de um Sport rápido. Agudo. Marlone de primeira ampliou após escanteio e André, de novo, recebeu lançamento entre os volantes para fazer 3 a 0 com apenas 35 minutos de jogo. A vantagem do líder poderia ser maior se Muriel não tivesse feito duas defesas importantes. No ataque, a equipe de Diego Aguirre quase não assustou.
  • Segundo tempoA etapa final foi de um Sport administrando o resultado contra o Inter pouca coisa melhor. A acomodação dos donos casa deu margem para Nilmar e Rafael Moura finalizarem, mas parando nas mãos do goleiro Danilo Fernandes. Valdívia levou pancada no tornozelo e foi retirado para entrada de Vitinho. Depois Nilmar saiu para ingresso de Alisson Farias. Mas nada deu ao Colorado intensidade e força para pelo menos descontar.

Destaques

  • 100% em RecifeA vitória em cima do Internacional manteve o ótimo retrospecto do Sport em casa. Em seis jogos, o time dirigido por Eduardo Baptista marcou 13 gols e sofreu apenas quatro. Em Recife, a equipe ganhou de Figueirense, Coritiba, Santos, Goiás, Joinville, Vasco e Internacional.
  • Virgem fora de casaSe o Sport confirmou sua ótima campanha como mandante, o resultado desta quarta-feira em Recife também atestou que o Internacional segue inofensivo como visitante. Em seis partidas fora de casa, o Colorado acumula três derrotas e três empates. Marcando três e levando 10 gols.
  • Nove meses depois...Wellington reestreou como titular após nove meses sem atuar. Emprestado pelo São Paulo, o volante operou o joelho em outubro do ano passado. A recuperação durou mais do que o esperado, mas há duas semanas ele já estava liberado para jogar. Diego Aguirre apostou nele ao lado de Nico Freitas. Não aguentou até o apito final.

Melhores

  • Maikon Leite, SportCamisa 11 foi vital para o começo arrasador de jogo do Sport. Com sua velocidade, explorou o lado esquerdo da defesa do Inter. Nem o retorno de Geferson, que esteve com a seleção brasileira na Copa América, foi capaz de segurar Maikon Leite.
  • Marlone, SportAutor do segundo gol, em belo arremate de primeira, Marlone também deu velocidade ao ataque do Sport contra uma defesa lenta e toda aberta do Inter. Com Maikon Leite e André, formou tridente que garantiu o triunfo do time pernambucano.

Piores

  • Nico Freitas, InternacionalErrou passe curto para Nilton, na origem do lance que terminou com o primeiro gol do Sport. No resto do jogo também empilhou falhas em tentativas de desarme e cobertura ao lateral direito Léo.
  • Léo, InternacionalPrecário na marcação, foi facilmente envolvido pelo Sport no começo do jogo. De volta após muito tempo se recuperando de lesão, ficou até o final do confronto por contingência. Willian estava na reserva, mas não entrou pela necessidade de outras trocas - Valdívia, Nilmar e Wellington.

Próximos Jogos - Sport

  1. Belo Jardim BJA
    Sport SPT
  2. Sport SPT
    Vitória-PE VDT
  3. Salgueiro SAG
    Sport SPT
  4. Sport SPT
    Santa Cruz-PE STA
  5. América-MG AMG
    Sport SPT

Próximos Jogos - Internacional

  1. Remo REM
    Internacional INT
  2. Internacional INT
    São Luiz SLU
  3. Cruzeiro-RS CRU
    Internacional INT
  4. Internacional INT
    Grêmio GRE
  5. Internacional INT
    Bahia BAH

UOL Cursos Online

Todos os cursos