Sport liquida Inter em 35 min, aplica 3 a 0 e segue na liderança

Do UOL, em Porto Alegre

O Sport precisou de apenas 35 minutos para não só vencer, mas liquidar por completo com o Internacional. Mesmo sem Diego Souza, suspenso, o time de Recife fez valer seu mando de campo na noite desta quarta-feira (01), em partida da 10ª rodada do Campeonato Brasileiro. André, duas vezes, e Marlone marcaram os gols em uma partida controlada, segura, na Ilha do Retiro.

A atuação do Inter foi para lá de apática e o Sport com jogo oposto. Elétrico, pelo menos até abrir larga vantagem. Sem Ernando, D'Alessandro e Lisandro López – preservados por desgaste, e Nilton como zagueiro, o Colorado teve uma defesa exposta e ataque inofensivo. Mesmo com maior posse de bola, o time de Porto Alegre não esteve nem perto de esboçar reação. Nos últimos minutos, o lateral direito Léo ainda foi expulso por entrada violenta.

O resultado sustenta o Sport de Eduardo Baptista na primeira colocação do Campeonato Brasileiro, com 22 pontos. O Internacional, que sonhava com um salto na tabela a partir da segunda vitória consecutiva, continua estacionado nos 13 pontos.

FICHA TÉCNICA
SPORT 3 X 0 INTERNACIONAL

Data: 01/07/2015 (quarta-feira)
Local: Ilha do Retiro, em Recife (PE)
Árbitro: Pericles Bassols (RJ)
Auxiliares: Rodrigo Correa (RJ) e Luiz Cláudio Regazone (RJ)
Cartões amarelos: Régis, André (SPO); Alan Costa, Geferson (INT)
Cartão vermelho: Léo (INT)
Gols: André, aos 9 minutos e aos 35 minutos do primeiro tempo. Marlone, aos 29 minutos do primeiro tempo

SPORT: Danilo Fernandes; Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Durval e Renê; R Mancha, Rithely, Marlone (Danilo) e Régis (Samuel); Maikon Leite (Neto) e André
Técnico: Eduardo Baptista

INTERNACIONAL: Muriel; Léo, Nilton, Alan Costa e Geferson; Nico Freitas, Wellington (Rodrigo Dourado), Jorge Henrique e Valdívia (Vitinho); Nilmar (Alisson Farias) e Rafael Moura
Técnico: Diego Aguirre

 

Fases do jogo

  • Primeiro tempoO Inter teve um começo regular, mas antes dos nove minutos sucumbiu. Após erro de Nico Freitas, Alan Costa fez pênalti em Maikon Leite e André marcou 1 a 0. Com a defesa exposta, o Colorado penou diante de um Sport rápido. Agudo. Marlone de primeira ampliou após escanteio e André, de novo, recebeu lançamento entre os volantes para fazer 3 a 0 com apenas 35 minutos de jogo. A vantagem do líder poderia ser maior se Muriel não tivesse feito duas defesas importantes. No ataque, a equipe de Diego Aguirre quase não assustou.
  • Segundo tempoA etapa final foi de um Sport administrando o resultado contra o Inter pouca coisa melhor. A acomodação dos donos casa deu margem para Nilmar e Rafael Moura finalizarem, mas parando nas mãos do goleiro Danilo Fernandes. Valdívia levou pancada no tornozelo e foi retirado para entrada de Vitinho. Depois Nilmar saiu para ingresso de Alisson Farias. Mas nada deu ao Colorado intensidade e força para pelo menos descontar.

Destaques

  • 100% em RecifeA vitória em cima do Internacional manteve o ótimo retrospecto do Sport em casa. Em seis jogos, o time dirigido por Eduardo Baptista marcou 13 gols e sofreu apenas quatro. Em Recife, a equipe ganhou de Figueirense, Coritiba, Santos, Goiás, Joinville, Vasco e Internacional.
  • Virgem fora de casaSe o Sport confirmou sua ótima campanha como mandante, o resultado desta quarta-feira em Recife também atestou que o Internacional segue inofensivo como visitante. Em seis partidas fora de casa, o Colorado acumula três derrotas e três empates. Marcando três e levando 10 gols.
  • Nove meses depois...Wellington reestreou como titular após nove meses sem atuar. Emprestado pelo São Paulo, o volante operou o joelho em outubro do ano passado. A recuperação durou mais do que o esperado, mas há duas semanas ele já estava liberado para jogar. Diego Aguirre apostou nele ao lado de Nico Freitas. Não aguentou até o apito final.

Melhores

  • Maikon Leite, SportCamisa 11 foi vital para o começo arrasador de jogo do Sport. Com sua velocidade, explorou o lado esquerdo da defesa do Inter. Nem o retorno de Geferson, que esteve com a seleção brasileira na Copa América, foi capaz de segurar Maikon Leite.
  • Marlone, SportAutor do segundo gol, em belo arremate de primeira, Marlone também deu velocidade ao ataque do Sport contra uma defesa lenta e toda aberta do Inter. Com Maikon Leite e André, formou tridente que garantiu o triunfo do time pernambucano.

Piores

  • Nico Freitas, InternacionalErrou passe curto para Nilton, na origem do lance que terminou com o primeiro gol do Sport. No resto do jogo também empilhou falhas em tentativas de desarme e cobertura ao lateral direito Léo.
  • Léo, InternacionalPrecário na marcação, foi facilmente envolvido pelo Sport no começo do jogo. De volta após muito tempo se recuperando de lesão, ficou até o final do confronto por contingência. Willian estava na reserva, mas não entrou pela necessidade de outras trocas - Valdívia, Nilmar e Wellington.

Próximos Jogos - Sport

  1. Cruzeiro CRU
    Sport SPT
  2. Grêmio GRE
    Sport SPT
  3. Sport SPT
    Avaí AVA
  4. Sport SPT
    Ponte Preta PON
  5. Flamengo FLA
    Sport SPT

Próximos Jogos - Internacional

  1. ABC ABC
    Internacional INT
  2. Internacional INT
    Paysandu PAY
  3. Juventude JUV
    Internacional INT
  4. Internacional INT
    Figueirense FIG
  5. Náutico NAU
    Internacional INT

UOL Cursos Online

Todos os cursos