Topo

Esporte


Grêmio diz que Brasileiro está 'manchado' por erros de arbitragem

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

2015-09-13T18:41:16

13/09/2015 18h41

O presidente do Grêmio disse que não se referia a qualquer equívoco de Sandro Meira Ricci no jogo deste domingo diante do São Paulo, mas afirmou que o Brasileirão está manchado por erros de arbitragem. Segundo o mandatário, a saída do coordenador de árbitros e a profissionalização poderiam resolver tal problema. 

"Na última quinta-feira, na reunião do comitê de clubes, foi anunciado a proposta do árbitro digital. Para tentar qualificar os lances. Poderíamos também examinar duas situações neste jogo. A falta no Giuliano ou falta no Fernandinho. Estes erros foram capitais no jogo. Mas não foi apenas isso. Os árbitros deveriam ser qualificados e profissionalizados. O nível está horroroso. O árbitro não pode ser sujeito a qualquer Federação, mas profissionalizado de forma independente", disse o presidente Romildo Bolzan Júnior. 
 
E o mandatário foi além. Segundo ele, o diretor da Comissão de Arbitragem da CBF deveria deixar o cargo. "Foi recomendada a saída do diretor, senhor Sérgio Correa. Porque se o quadro está mostrando este despreparo, e não é a avaliação do senhor Sandro Meira Ricci, que já nos prejudicou, mas erros comuns e arbitragens nefastas com descritério que mancham o campeonato. Para melhor qualificação, capacitação, profissionalismo, independência, uma avaliação da CBF tem que ser feita", disparou. 
 
Indagado novamente sobre a 'mancha' no campeonato, a palavra máxima do Grêmio se repetiu contra o Brasileirão. "Vejo um campeonato comprometido e sem critério. A qualificação não foi suficiente. Não houve", confirmou.
 
Logo após a partida, o diretor jurídico do Grêmio, Nestor Hein, aos gritos na zona mista, reclamava das decisões de Sandro Meira Ricci. O Grêmio reclama da posição da barreira na falta batida por Douglas que gerou o primeiro gol do São Paulo. Ainda protesta um possível pênalti em cima de Fernandinho e outro em Giuliano. 
 
"Não há democracia nos erros. Eles protegem sempre determinados times no campeonato, que está manchado", gritava Hein. 
 
O Grêmio perdeu por 2 a 1 para o São Paulo neste domingo. Na próxima quarta-feira terá o Atlético-PR pela frente. 
 

Mais Esporte