Cruzeiro consulta investidor por retorno de meia campeão em 2014

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

  • EFE/Paulo Fonseca

    Marlone foi campeão brasileiro pelo Cruzeiro na temporada passada. O jogador defende o Sport em 2015

    Marlone foi campeão brasileiro pelo Cruzeiro na temporada passada. O jogador defende o Sport em 2015

Apesar da indefinição sobre a permanência de Mano Menezes, que tem proposta do Shandong Luneng, da China, o Cruzeiro já iniciou o planejamento para a temporada que se aproxima. E, mesmo com o discurso de enxugar o elenco, o clube tem procurado atletas para se reforçar. O nome de um velho conhecido apareceu na pauta da diretoria, mas a sua contratação se tornou complicada, sobretudo pela concorrência.

Depois de disputar o Campeonato Brasileiro pelo Sport, onde realizou 30 partidas, fez três gols e distribuiu oito assistências, Marlone se tornou alvo de grandes clubes do Brasil. O meia-atacante, de 23 anos, inclusive, teve a sua volta ao Cruzeiro cogitada, sobretudo pela admiração do presidente Gilvan de Pinho Tavares.

A atual diretoria do clube fez uma consulta à Elenko Sports, empresa responsável por gerir a carreira do atleta revelado pelo Vasco da Gama, mas os representantes do jogador consideram "difícil" um retorno à Toca da Raposa II, onde esteve em 2014, faturando, inclusive, o título nacional.

Questionado nessa terça-feira sobre a possibilidade de contratações, o vice-presidente de futebol Bruno Vicintin não citou nomes.

"A gente vai contratar pouco e com qualidade, seriam três ou cinco nomes. A gente tem alguns nomes engatilhados e espera anunciar em breve", afirmou, em entrevista coletiva concedida nessa terça-feira.

O clube de Belo Horizonte não é o único que se interessa por Marlone. Além do Cruzeiro, São Paulo, Internacional e Corinthians já se manifestaram sobre a possibilidade de contar com o apoiador. O Cruz Azul, do México, seria outro possível destino do atleta. As negociações, porém, nem sequer começaram.

Neste ano, o meia-atacante passou por Laranjeiras e Ilha do Retiro. Sem sucesso no Fluminense, ele reergueu a carreira em Pernambuco. Seus direitos, porém, são da Penapolense. O clube paulista é ligado à Elenko Sports e o desejo de seus proprietários é negociá-lo na próxima janela de transferências.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos