Fagner se diz feliz e só deixaria Corinthians com aval da família

Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo

  • AFP PHOTO / PABLO PORCIUNCULA

Entre os jogadores mais valorizados do elenco do Corinthians, Fagner desperta rumores no futebol europeu. Com duas experiências no Velho Continente, por Wolfsburg-ALE e PSV Eindhoven-ALE, o lateral direito disse que só sairia novamente com o aval de seus familiares. 

"Isso me trouxe aprendizado. Fui muito novo da primeira vez. Da segunda era mais velho, mas mesmo assim novo ainda. O principal fator é minha família. Preciso pensar muito neles. Tenho um filho de um ano, outro de seis meses, então tenho que pensar muito bem. Graças a Deus, todo muito está bem por enquanto. Não preciso ter essa preocupação (por não ter oferta). Mas, se um dia acontecer alguma coisa, vou resolver o que for melhor", explica Fagner. 

"Por mim, não tem nada, nenhuma oferta. Mas acho que o futebol brasileiro, quando tem jogadores que começam a se destacar, é difícil, porque os clubes de fora vêm pesado. É complicado para o clube segurar. Não adianta pensar no que a gente não sabe. Sobre saídas é muito dinâmico, acontecem muitas coisas em frações de horas", alertou ainda o corintiano. 

Prestes a perder o concorrente de posição, já que Edílson tem ida acordada ao Grêmio, ele admitiu a necessidade de outro lateral direito. Não estou sabendo muita coisa ainda, são coisas internas, não sei. Mas com certeza se algo acontecer vamos conversar. Agora é só aguardar. "A diretoria vai se preparar, estudar bem. Acontecendo tudo isso, a diretoria deve estar preparada para nos ajudar também". 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos