Flamengo vence Sport por 1 a 0 com baixo ritmo e poucas chances de gol

Do UOL, em São Paulo

Com gol de Éverton logo aos cinco minutos, o Flamengo venceu o Sport no Estádio Raulino de Oliveira, neste sábado, para somar seus primeiros pontos no Campeonato Brasileiro de 2016. Em marcha lenta, o time da casa criou pouco, mas ainda assim dominou a segunda metade e não tomou sustos.

O triunfo após dez dias reservados a treinos diminui a pressão sobre Muricy Ramalho, que mostra resultado na primeira rodada do Brasileirão. O próximo compromisso pelo Brasileirão é contra o Grêmio, em Porto Alegre, mas antes disso o Mengo recebe o Fortaleza nesta quarta-feira, pela Copa do Brasil. Eliminado do mata-mata nacional, o Sport tem a semana livre antes de pegar o Botafogo em casa.

Gilvan de Souza / Flamengo

Cuéllar e Willian Arão dominam meio-campo

O colombiano ganhou praticamente todas as divididas que disputou e ainda esteve envolvido na expulsão de um rival. Arão também foi soberano no setor, inclusive dando assistência para o gol de Éverton. Sobrecarregada pelo esquema com três atacantes, a dupla de volantes se portou bem.

Expulsão de Rithely decide o jogo

Toda a conversa de Oswaldo de Oliveira com seus comandados no intervalo foi desmontada no primeiro minuto da etapa final. Em dividida no meio-campo, Rithely entrou por cima da bola e acertou as travas da chuteira em Cuéllar, sendo expulso direto. A partir daí os visitantes mal apareceram no campo de ataque e se mantiveram cautelosos, sem mostrar resistência ao domínio rival.

Gilvan de Souza / Flamengo

Diego Souza aparece pouco na armação

Desafeto da torcida flamenguista pelas provocações, o meia foi bastante discreto neste sábado. A atuação de Diego Souza reflete a postura do próprio Sport, que se perdeu na marcação adversária e foi quase inofensivo. Nas poucas vezes que apareceu, o camisa 87 do Leão chegou a ser xingado no Estádio Raulino de Oliveira.

Rudy Trindade/Framephoto

Flamengo é superior do início ao fim

O gol no início deu tranquilidade ao Rubro-Negro, que deixou o primeiro tempo passar mantendo o equilíbrio em um confronto sem grandes emoções. Quando Rithely foi expulso, o Flamengo aproveitou muito bem a condição para ter superioridade numérica em qualquer lugar em que a bola estivesse. Com um pouco mais de capricho nos contra-ataques, teria vencido por mais.

Dificuldades do Sport aumentam gradativamente

Faltou certa dose de calma para superar o placar adverso logo nos primeiros minutos. O Sport demorou para se acertar e só não levou mais gols por falta de capricho dos atacantes adversários. Depois, com um a menos, teve enorme dificuldade para transpor a marcação flamenguista e acabou por se entregar nos minutos finais.

Desenho tático de Muricy anula o Sport

O esquema com três atacantes tem muito a ser aprimorado mesmo dando resultado. Willian Arão e Mancuello encontraram brechas na defesa do Sport com passes em infiltração, mas as poucas chances deveriam ser melhor aproveitadas por Guerrero e Éverton. Defensivamente, Muricy acertou ao apostar no jovem Léo Duarte, de 19 anos, que foi seguro ao lado de Juan. De modo geral, o técnico conseguiu fazer com que o Mengo não fosse ameaçado durante toda a partida.

Gilvan de Souza / Flamengo

Primeiro gol do Brasileirão

Quatro minutos e 56 segundos foram suficientes para o Flamengo marcar o primeiro gol do Campeonato Brasileiro de 2016. O cruzamento de Rodinei foi mal cortado por Durval, e Willian Arão aproveitou a sobra para novo cruzamento, desta vez na medida para Éverton completar. Por coincidência, foi Éverton quem marcou o gol do último encontro com o Sport, também aos cinco minutos, em vitória por 1 a 0. Éverton, alías, fez o primeiro gol flamenguista no Brasileirão do ano passado, mas daquela vez o resultado foi ruim: derrota por 2 a 1 para o São Paulo.

Primeiro erro do Brasileirão?

A arbitragem chamou a atenção pela primeira vez aos 24 minutos. Em lance bastante polêmico, Vinícius Araújo recebeu livre às costas da zaga flamenguista e chegou a empatar o jogo para o Sport mas a arbitragem comandada por Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza marcou impedimento duvidoso.

FICHA TÉCNICA

Flamengo 1 x 0 Sport
Data:
14/05/2016
Local: Estádio Raulino de Oliveira, Volta Redonda-RJ
Hora: 16h00 (de Brasília)
Cartões Amarelos: Guerrero e Emerson (Flamengo); Serginho (Sport)
Cartão Vermelho: Rithely (Sport)
Gols: Éverton aos 5' minutos do primeiro tempo

Flamengo: Paulo Victor; Rodinei, Léo Duarte, Juan e Jorge; Cuéllar, Willian Arão e Mancuello (Alan Patrick); Éverton, Emerson (Marcelo Cirino) e Paolo Guerrero (Ederson). Treinador: Muricy Ramalho.

Sport: Magrão; Samuel Xavier, Oswaldo Henríquez, Durval e Renê; Rithely, Gabriel Xavier, Mark González (Serginho), Diego Souza e Lenis (Túlio de Melo); Vinícius Araújo (Neto Moura). Treinador: Oswaldo de Oliveira.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos