Levir Culpi aprova ímpeto do Fluminense em seu retorno a BH

Do UOL, em São Paulo

"Vale a pena arriscar", garante Levir Culpi quando questionado sobre o novo esquema tático com quatro homens de frente. Foi com esta formação que o Fluminense venceu o América-MG por 1 a 0 no Estádio Independência, neste domingo, em jogo que marcou o reecontro do técnico com a cidade de Belo Horizonte.

"Tem que ter um time com iniciativa, com ímpeto de ir para frente, mas que também marque [quando volta] para trás. Vale a pena arriscar para buscar os resultados", entende o treinador tricolor, que ainda tem ajustes a fazer na equipe. "Temos que melhorar muito, mas se não for dessa maneira não tem graça praticar o futebol", avalia.

Neste domingo o Fluminense usou Gustavo Scarpa, Osvaldo, Richarlison e Fred no ataque. A formação esbarrou na organizada marcação americana, mas foi responsável pelo gol da vitória por aproveitar a pressão na saída de bola do adversário. O bom resultado é a cereja do bolo de um final de semana especial para Levir Culpi, que aproveituo a volta a BH para reencontrar amigos dos tempos de Atlético-MG.

"Não gosto muito de voltar para um lugar de onde não gostaria de teer saído porque há uma nostalgia, a gente sabe que vai demorar para voltar aqui novamente. Foi um tempo muito especial que passei aqui, pela amizade, pela maneira que fui tratado", relembra o técnico, visivelmente emocionado, classificando a si mesmo como um "mineiro de coração".

Levir Culpi agora volta ao Rio de Janeiro para ajustar os detalhes do Flu até sábado (21), quando a equipe entra em campo novamente pelo Brasileirão. O adversário da vez será o Santa Cruz, no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda-RJ.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos