Era Paulo Bento já começa com aviso desanimador do antecessor

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

Quando foi destacado pela diretoria para comandar o Cruzeiro enquanto o novo técnico não era anunciado, o auxiliar fixo Geraldo Delamore tinha apenas um objetivo. Tentar fazer andar um time que deixou a desejar com Deivid e pelo menos dar novos suspiros para o futuro técnico. No último domingo, contra o Coritiba, o interino fez seu último jogo antes de Paulo Bento assumir e já adiantou um dos assuntos que serão tratados com o português. O time do Cruzeiro ainda está em construção e, por isso, ainda vai oscilar neste início de Brasileiro.

Nas três partidas de Delamore com o Cruzeiro, o time venceu dois duelos e perdeu outro. Porém, o desempenho foi muito distinto em cada um dos compromissos. Contra os reservas do Campinense, atuação instável e vitória apertada em pleno Mineirão. Dias depois, ainda na Copa do Brasil, o triunfo sobre o Londrina foi bem mais convincente, animando o torcedor com a classificação garantida. Mas o otimismo caiu por terra com o jogo desastroso na estreia do Brasileirão. Além da derrota por 1 a 0 para o Coritiba, o time não se encontrou em campo, não produziu com qualidade e ainda perdeu a cabeça ao ter dois jogadores expulsos.

"Queria ter terminado com três vitórias, mas volto a bater na tecla que o Cruzeiro está no processo de construção de equipe. Dentro desse processo, são quatro, cinco meses que a equipe vai oscilar. Fizemos boa partida contra o Londrina, que, obviamente, tem uma envergadura diferente do Coritiba. Mas hoje (domingo) oscilamos no primeiro tempo e o time se perdeu em algumas decisões, tivemos dois jogadores expulsos no segundo. Tudo isso será passado para o novo treinador, vamos conversar com tranquilidade para dar todas as informações necessárias", comentou Delamore.

Paulo Bento já está em Belo Horizonte e será apresentado como treinador do Cruzeiro nesta segunda-feira. O português terá praticamente uma semana inteira de trabalho antes de estrear contra o Figueirense, no próximo sábado. Durante o primeiro contato com o elenco, o treinador já irá se deparar com o primeiro desafio. A quantidade de jogadores fora de combate. Além de Mayke, Dedé, Manoel, Marcos Vinícius e Judivan, sem prazo para retorno, Arrascaeta e Alisson estão em fase final de recuperação. Rafael Silva ainda será reavaliado pelos médicos, enquanto Robinho e Bryan ainda aguardam pela publicação no BID.

"A gente tem um grupo de jogadores que está saindo do departamento médico e vai dar mais profundidade ao elenco. Vamos discutir com o Paulo, em cima das ideias dele, apresentar algumas avaliações que nós fizemos, para dar a melhor condição para ele desenvolver seu trabalho. Ele está vindo para um grande clube da América do Sul e do futebol mundial, com excelente estrutura física, um elenco de jogadores bastante profissional", completa Delamore.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos