Ganso vê "derrota sem explicação" do São Paulo; Maicon critica marcação

Do UOL, em São Paulo

Dois gols de Eruardo Sasha, ambos em jogadas de contra-atauqe, decretaram a vitória do Internacional sobre o São Paulo por 2 a 1 dentro do Morumbi neste domingo. O resultado e a maneira como ele foi construído foram considerados inadmissíveis para o meia Paulo Henrique Ganso.

"A gente até criou bastante, mas é uma derrota sem explicação", declarou o meia após o jogo, em entrevista ao Premiere FC. "Não poderíamos ter tomado um gol como tomamos com um homem a mais em campo", completou.

O lance ao qual ele se referiu aconteceu logo após Lugano empatar o jogo para o São Paulo. Uma escapada de William pela esquerda culminou no segundo gol de Eduardo Sasha. Neste momento, o Internacional contava com apenas dez jogadores em campo, já que Alex havia sido expulso pouco antes. 

"Nós pecamos um pouco na marcação, tomamos dois gols em dois contra-ataques", analisou o zagueiro Maicon. "Tivemos a chance de matar o jogo em algumas ocasiões nas quais deveríamos ter definido melhor, mas não conseguimos. Não podemos crucificar ninguém. Agora é trabalhar. Vamos ver onde erramos para corrigir e preparar melhor para a próxima partida".

O compromisso do meio de semana do São Paulo pelo Brasileiro será contra o Coritiba, na quarta-feira, fora de casa.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos