Segunda tarefa de Marcelo no Atlético-MG vai ser discutir sobre reforços

Do UOL, em Belo Horizonte

Marcelo Oliveira acertou o retorno ao Atlético-MG na sexta-feira e já embarcou com a delegação alvinegra para o jogo com o Atlético-PR, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. E foi tudo muito rápido, tanto que o treinador participou de apenas uma atividade antes de ficar no banco de reservas no empate em 1 a 1, na Arena da Baixada.

Passado o primeiro compromisso como técnico do Atlético, Marcelo Oliveira já sabe qual vai ser a sua próxima tarefa. O treinador vai se reunir com o presidente Daniel Nepomuceno, para que iniciem a busca por reforços para a sequência do Brasileirão.

"O elenco é muito forte, com dois, três jogadores por posição. Temos esses problemas na lateral esquerda e agora, com a lesão do Léo. Vamos olhar. Na janela aparece muita coisa interessante, tanto propostas para nossos jogadores quanto de jogadores que querem jogar no Atlético. Vamos ficar atentos. Temos uma reunião com o Marcelo para tratar desse assunto, o que ele achou, a experiência dele com outros nomes. Vamos correr atrás", revelou Daniel Nepomuceno, à Rádio Itatiaia.

Algo que também foi falado por Marcelo Oliveira, após a partida. Sem entrar em detalhes, o treinador deixou escapar que um centroavante estará na lista de reforços. "Embora o elenco seja numeroso e de boa qualidade, tem alguns aspectos que estamos conversando desde iniciamos as negociações para vir para o Atlético. Pontualmente tem três posições que podemos buscar jogadores, porque o campeonato é longo. Os jogadores saem para defender as seleções, alguns jogadores lesionados. Contra o Atlético-PR, por exemplo, eu senti falta de um atacante de área, pois a bola passou muitas vezes ali. Então vamos trabalhar isso aí. São pequenos ajustes. O Atlético está no caminho certo".

A grande preocupação da diretoria e da comissão técnica são as próximas rodadas do Brasileirão, quando o Atlético vai ficar sem três titulares, por causa da Copa América. Douglas Santos vai servir a seleção brasileira, enquanto Erazo e Cazares estão convocados para a seleção equatoriana.

Além do centroavante, os outros reforços devem ser para a lateral esquerda e para a defesa. Mas por cautela, Marcelo Oliveira achou melhor não comentar. "Não é carência, é mais em função dos jogadores que vão permanecer muito tempo fora. Essa questão vamos resolver internamente".

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos