Marcelo Oliveira aposta em quatro trunfos para levar Atlético-MG ao título

Do UOL, em Belo Horizonte

Sem a Copa Libertadores, o Campeonato Brasileiro se torna o grande objetivo do Atlético-MG na temporada. Na realidade, o principal torneio do futebol nacional é uma grande obsessão dentro do clube. São 44 anos sem conquistar a competição, que esteve muito perto em duas das últimas quatro edições, com dois vice-campeonatos, em 2012 e 2015.

Para voltar a ser campeão do Brasil, o Atlético buscou o técnico Marcelo Oliveira para o lugar de Diego Aguirre, demitido após a eliminação para o São Paulo, na Libertadores. Se o clube alvinegro não sabe o que é vencer o Brasileirão há muito tempo, Marcelo Oliveira foi bicampeão em 2013 e 2014, com o Cruzeiro.

E a experiência do treinador, que conquistou três títulos nacionais nas últimas três temporadas, e o conhecimento do próprio clube, já que Marcelo foi formado como jogador e treinador no próprio Atlético, que fizeram a diretoria buscar o treinador que deixou o Palmeiras em março.

Antes mesmo de estrear, Marcelo Oliveira já falava em ser campeão brasileiro. E após a boa atuação do time diante do Atlético-PR, mesmo com o empate, o treinador ressaltou que a torcida alvinegra pode ter esperanças. É possível ser campeão brasileiro com o Atlético em 2016.

"Eu concordo que é um ótimo elenco. Contra o Atlético-PR jogamos sem vários jogadores e o time teve o comportamento que teve. Não sei se é o melhor, existem outros clubes com ótimos elencos. Mas como eu disse anteriormente, fiz questão de vir e ficar no banco por confiar bastante na capacidade do Atlético, no potencial que o Atlético tem. Tradição, camisa, torcida e um elenco muito interessado. Além de ter boa técnica, é preciso ser um elenco muito interessado e estar unido em torno do nosso grande objetivo, que é ser campeão brasileiro", explicou Marcelo, que também chegou em quatro das últimas cinco finais da Copa do Brasil.

"Minhas impressões são positivas. Eu já tinha um sentimento bom em relação ao Atlético antes de vir e ampliou hoje. Um jogo muito difícil, circunstâncias adversas e reagimos bem. Jogamos o jogo, combatemos e brigamos muito para conseguir o resultado. Então são perspectivas boas pela frente", completou o novo treinador do Atlético.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos