Estafe de André vê clima difícil no Corinthians e insiste por ida ao Sport

Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução/Twitter

    Nome do centroavante André foi pedido por torcedores do Sport no Recife

    Nome do centroavante André foi pedido por torcedores do Sport no Recife

A situação do centroavante André movimentou a direção do Corinthians nas últimas horas. 

Apesar de negar uma proposta por empréstimo apresentada pelo Sport, a direção do Corinthians foi procurada por Fernando Garcia, empresário do centroavante, para ceder e facilitar uma volta à Ilha do Retiro. 

De maneira extraoficial, entretanto, a cúpula corintiana se manifestou de forma enfática para dizer que não aceitará abrir mão de André. O investimento em luvas para a aquisição dele, pagA ao jogador e à empresa Elenko Sports, é de aproximadamente R$ 3,7 milhões parcelados. 

Na avaliação dos representantes de André, o clima para ele está difícil no Parque São Jorge depois de perder pênalti na eliminação da Copa Libertadores e sofrer vaias constantes na Arena Corinthians. Entretanto, em vitória sobre o Santos por 1 a 0 na noite de quarta-feira, a torcida pareceu dar uma trégua ao jogador, que não foi vaiado ao ingressar no gramado.

Nos dois episódios recentes com as torcidas organizadas do clube, o nome de André esteve em pauta. Na reunião feita às escondidas no CT Joaquim Grava, ele foi um dos seis selecionados para, segundo a direção, "receber incentivo". Já em Salvador, onde houve bate-boca no hotel antes de partida contra o Vitória, o centroavante foi alvo de xingamentos. 

Colegas de André têm relatado o centroavante desanimado em alguns dos trabalhos no Corinthians. Já o treinador Tite, na noite de quarta-feira, pediu paciência. Na avaliação dele, não existe limite para a permanência do centroavante. A inspiração está no antigo dono da camisa 9, Vagner Love. 

"Limite nenhum. O limite é quando ele deixar de ser persistente, deixar de trabalhar, o que não é o caso. Love não teria feito todos os gols ano passado (se tivesse se entregado). Quando você trabalha, é persistente, é dedicado e se cuida fora do campo, é inevitável", declarou Tite, com uma ideia clara de permanência do atleta por parte da comissão técnica. 

Depois de resgatar Diego Souza do Fluminense e tentar, sem sucesso, também recontratar Marlone, o Sport aposta em André para refazer o time que ficou entre os primeiros no último Brasileirão. Na mesma noite em que persistia pela liberação de André, o Sport ganhou do Santa Cruz no Arruda por 1 a 0 com gol de outro centroavante, Edmílson. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos