Paulo Autuori se livra de suspensão no STJD. Goleiro também é absolvido

Do UOL, em São Paulo

  • Ernesto Rodrigues/Folhapress

    Paulo Autuori está livre para a sequência do Campeonato Brasileiro

    Paulo Autuori está livre para a sequência do Campeonato Brasileiro

A noite desta terça-feira foi de vitória do Atlético-PR nos tribunais. Julgados por problemas ocorridos no empate por 1 a 1 com o Atlético-MG, na Arena da Baixada, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro, Wéverton e Paulo Autuori se livraram de suspensões no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e desta forma não desfalcarão o time na sequência do Nacional.

Paulo Autuori foi enquadrado nos artigos 243-C (ameaçar alguém) e 243-F (ofender alguém em sua honra). Na súmula da partida, o árbitro Flavio Rodrigues de Souza relatou palavrões proferidos pelo treinador: "reclamou de forma ostensiva contra a equipe de arbitragem dizendo as seguintes palavras: 'Vocês são uns m..., c..., não marca uma pra mim'. Dessa forma expulsei o treinador".

A súmula ainda relatou que o técnico Paulo Autuori deu continuidade às reclamações depois do duelo. "Informo ainda que este treinador nos esperou na zona mista dizendo as seguintes palavras com o dedo em riste para o quarto árbitro: 'Agora a conversa é de homem para homem', sendo contido pelos seguranças e polícia militar", acrescentou a súmula.

Julgado, Paulo Autuori foi apenas advertido pelo STJD e se livrou de uma punição que poderia chegar a até 120 dias.

Wéverton, por sua vez, poderia ser suspenso por até seis jogos por desrespeitar a equipe de arbitragem, mas acabou absolvido. Após o apito final, o goleiro deu entrevista polêmica ao canal Premiere.

"Pelo amor de deus, não existe. Ele chegou aqui e falou "vou consertar a merda que o outro juiz fez (no jogo contra o Palmeiras)". Falou para mim e para outros jogadores, e vem aqui e faz pior. Não existe isso. Nós trabalhamos o dia a todo, também erramos, atacante perde gol, goleiro falha, juiz erra, mas hoje foi demais. Não vamos botar a culpa toda nele, nós tivemos chances de gol, mas cansa. Nós trabalhamos a semana inteira e vem um cara, é ser humano, mas hoje foi demais. Desculpa se eu estiver falando demais", disse o goleiro.

Desta forma, Paulo Autuori e Wéverton são presenças confirmadas no jogo do próximo sábado, contra o São Paulo, no Morumbi, às 21h, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos