Vice do Grêmio promete ação após erros de arbitragem: "Meteram a mão"

Do UOL, em Porto Alegre

O Grêmio tomará medidas contra André Freitas de Castro, árbitro do jogo contra o Fluminense, neste sábado (11). A garantia partiu de Alberto Guerra, vice-presidente de futebol do time gaúcho. Nas palavras do dirigente, "meteram a mão" no clube tricolor.

"Esse jogo vai ser conhecido como jogo da mão. Meteram a mão no Grêmio. Certamente o Grêmio vai tomar alguma providência, ainda estamos de cabeça quente, mas alguma coisa será feita", disse Guerra.

A partida em Volta Redonda gera indignação no Grêmio por três passagens. A primeira foi na expulsão de Ramiro, após falta não marcada em cima de Edilson. A segunda ocorreu em lance na área do Fluminense, onde Henrique desvia com a mão uma bola. E a terceira registrava culminou com o gol, de Marcos Júnior.

"O que o Ramiro disse todos os outros 21 jogadores falaram. Não é ballet, não é vôlei. Mas não foi algo direcionado ao árbitro. Os lances que o Grêmio reclama são aqueles que todos viram, menos três pessoas", disparou o dirigente do Grêmio.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos