7 fatos apimentam Palmeiras x Corinthians com sabor de história no Allianz

Dassler Marques e José Edgar de Matos

Do UOL, em São Paulo

  • Cesar Greco/Ag Palmeiras

    Dudu foi o personagem do último dérbi, vencido por 1 a 0 pelo Palmeiras

    Dudu foi o personagem do último dérbi, vencido por 1 a 0 pelo Palmeiras

Vinte e três anos depois, um 12 de junho especial para os torcedores de Palmeiras e Corinthians. Na tarde deste domingo, a partir das 16h (de Brasília), os dois grandes rivais paulistas se enfrentam pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. Fora a rivalidade, a partida promete pela atual situação dos dois clubes e a história passada.

Em 12 de junho de 1993, o Palmeiras goleou o Corinthians por 4 a 0, no Morumbi, e encerrou uma fila de 16 anos sem títulos. O troféu do Campeonato Paulista de 23 anos atrás ainda é relembrado como um dos mais comemorados pelo torcedor alviverde. Pelo outro lado, o corintiano quer se esquecer daquele dia.

Somado o fator histórico, os dois clubes chegam embalados para o duelo deste domingo. Desta forma, acima de qualquer rivalidade, a promessa para este domingo é de um encontro com capacidade para ser histórico.

O UOL Esporte lista sete fatos que credenciam este duelo para mais um 12 de junho inesquecível no dérbi paulistano.

UM ENCONTRO COM A HISTÓRIA

Muito mais do que o Dia dos Namorados, 12 de junho remete a uma bipolaridade do clássico mais popular de São Paulo. Tudo por conta do Campeonato Paulista de 1993, decidido justamente nesta data. Enquanto os palmeirenses se recordam com saudades daquele 4 a 0 - tema de música nas arquibancadas hoje em dia -, os corintianos querem esquecer o fracasso na disputa pelo título e atuação do árbitro José Aparecido.

É o primeiro dérbi disputado em 12 de junho desde a consagração de Evair e companhia, que tiraram o Palmeiras de uma fila de 16 anos sem conquistas. Neste domingo, diante de possivelmente 40 mil palmeirenses no Allianz Parque, os corintianos possuem a chance de no mínimo ter um motivo para comemorar.

PODE VALER LIDERANÇA

História e atualidade se misturam neste domingo. Além de carregar a marcante final do Paulista de 1993, Palmeiras e Corinthians disputam simplesmente as primeiras colocações neste início de Campeonato Brasileiro.

Em seis rodadas disputadas, o Corinthians chega ao Allianz Parque como o líder da Série A. São 13 pontos somados pelos comandados de Tite contra 12 dos palmeirenses, que querem embalar com a terceira vitória consecutiva na competição.

O Corinthians, em contrapartida, venceu os últimos quatro jogos e quer manter o bom momento para ratificar-se como o time a ser batido nesta temporada de 2016.

CORINTHIANS ENGASGADO COM O PALMEIRAS

Diante de mais de 40 mil palmeirenses, o Corinthians encara um pequeno tabu diante do maior rival. Desde a vitória em pleno Allianz Parque no Paulista do ano passado - 1 a 0, gol de Danilo -, a equipe de Parque São Jorge não vence o maior rival.

Foram quatro confrontos disputados, com dois empates - 2 a 2 na semifinal do Paulista de 2015 (o Palmeiras avançou nos pênaltis, em plena Arena Corinthians) e o 3 a 3 do Brasileiro do ano passado, no Allianz - e dois triunfos alviverdes - 2 a 0 em Itaquera, pela Série A passada, e 1 a 0 no Estadual desta temporada, no Pacaembu.

A DIVERGÊNCIA ENTRE OS PRESIDENTES

No primeiro dérbi de torcida única, Paulo Nobre certamente estará satisfeito. O Palmeiras tem uma posição firme contra a violência das torcidas organizadas, que sofreram com a postura de Nobre. Sem torcida visitante, a direção palmeirense celebra a possibilidade de vender mais ingressos, já que receber visitantes significa perder assentos para o isolamento entre os rivais nas arquibancadas. Roberto de Andrade, por sua vez, afirmou que é frustrante para o Corinthians não receber seus fãs no clássico. 

CUCA VERSUS TITE

O último clássico entre os dois clubes foi marcado por uma vitória estratégica de Cuca sobre Tite, que não conseguiu fazer o Corinthians render no Pacaembu diante de uma surpreendente formação palmeirense. O reencontro dos últimos treinadores brasileiros que ganharam a Copa Libertadores promete: o corintiano adotou mistério e fechou o treinamento de sábado, um expediente raríssimo. Cuca fez elogios ao colega. 

"Acho que o Tite é o melhor do Brasil, pelo que ele tem feito, os títulos que ele ganhou, a condição que dá aos jogadores. O duelo meu e dele não vai definir o jogo, quem define é o jogador. Você tem uma estratégia e ela pode cair em um minuto, a qualidade individual de um jogador muda uma partida", afirmou o treinador palmeirense. 

O PEQUENO TABU DO ALLIANZ PARQUE

Desde a reabertura do estádio do Palmeiras, nenhum dérbi foi vencido pelos donos da casa. Só são dois clássicos até este domingo e não há grande incômodo, mas para os palmeirenses seria especial quebrar o tabu diante do maior rival. Nos confrontos jogados, houve um empate em 3 a 3 no Brasileirão passado e uma vitória do Corinthians por 1 a 0 no Paulistão 2015, com gol de Danilo. Esse é o último triunfo dos alvinegros - foram quatro duelos desde então. 

A DESPEDIDA DE FELIPE

O Corinthians evita confirmar, mas está praticamente definido que Felipe se despede neste domingo. O zagueiro se mudará para o Porto-POR em transferência avaliada em R$ 25 milhões aproximadamente. Tite concedeu a braçadeira para seu pupilo, que chegou ao clube em 2012 e ainda não sabe o que é ganhar do Palmeiras como titular. 

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS x CORINTHIANS

Data: 12/06/2016 (domingo), às 16h (Brasília)
Local: Allianz Parque, em São Paulo
Árbitro: Raphael Claus (Fifa/SP)
Auxiliares: Emerson Augusto de Carvalho (Fifa/SP) e Rogério Pablos Zanardo (Asp Fifa/SP)

PALMEIRAS: Fernando Prass; Tchê Tchê, Thiago Martins, Edu Dracena e Egídio; Matheus Sales (Thiago Santos) e Jean; Dudu, Moisés (Cleiton Xavier) e Róger Guedes; Gabriel Jesus
Treinador: Cuca

CORINTHIANS: Walter; Fagner, Felipe, Yago e Uendel; Bruno Henrique e Cristian; Marquinhos Gabriel, Guilherme e Giovanni Augusto; Luciano. 
Treinador: Tite

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos