Figueirense vence e deixa interino em situação delicada no Flamengo

Do UOL, no Rio de Janeiro

O Flamengo perdeu a segunda partida consecutiva no Campeonato Brasileiro. Neste domingo (12), o Rubro-negro foi batido pelo Figueirense por 1 a 0, em Florianópolis. O revés deixou o técnico interino Zé Ricardo em situação delicada, já que a diretoria indicou nos bastidores que a permanência no cargo após a saída de Muricy Ramalho está atrelada aos resultados. O comandante soma agora duas vitórias (Ponte Preta e Vitória) e duas derrotas (Palmeiras e Figueirense).

Os cariocas estão em 6º lugar, com dez pontos. Na próxima quarta-feira (15), o adversário será o Cruzeiro, às 21h45, no Mineirão. Um resultado positivo é fundamental para a sequência do trabalho de Zé Ricardo. Caso contrário, dificilmente a direção o manterá e voltará ao mercado em busca de um profissional mais experiente. Já os catarinenses somam nove pontos e estão na 12ª colocação. Eles visitam o Santa Cruz na próxima rodada.

Flamengo tem a posse de bola, mas não resolve jogo

O time carioca teve maior posse de bola durante toda a partida disputada no estádio Orlando Scarpelli. No entanto, os comandados de Zé Ricardo não aproveitaram o espaço muitas vezes cedido pelo Figueirense. Quando chegou, o Rubro-negro parou nas boas defesas de Gatito Fernández. Além de não aproveitar o predomínio, o Flamengo voltou a sofrer com problemas defensivos. Em uma das panes coletivas, um chute de Rafael Moura resolveu o confronto.

Chutaço dá os três pontos ao Figueirense

Mesmo jogando em casa, o Figueirense não comandou a partida em nenhum momento sequer. Os catarinenses exploraram os erros do Flamengo e construíram a vitória no belo gol de Rafael Moura aos 41min do primeiro tempo. A zaga rubro-negra parou no passe de Carlos Alberto. O atacante acertou um chutaço cruzado e surpreendeu o goleiro Alex Muralha. O Alvinegro continuou jogando nos contragolpes e foi assim que bateu o Flamengo.

Fernando Remor/Mafalda Press/Estadão Conteúdo
Rafael Moura comemora o gol do Figueirense enquanto o estreante Rafael Vaz observa

Rafael Vaz tem boa estreia

O ex-vascaíno Rafael Vaz fez boa estreia pelo Flamengo. Ele se mostrou mais seguro do que os zagueiros recentes que jogaram pelo Rubro-negro. Vaz esteve melhor do que Wallace e César Martins. O estreante se apresentou no ataque e teve duas boas chances de empatar no segundo tempo. No gol do Figueirense, o camisa 33 saiu da área para marcar Carlos Alberto e faltou a cobertura de um companheiro para impedir o chute de Rafael Moura.

FIGUEIRENSE 1 X 0 FLAMENGO

Local: Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Auxiliares: Rafael da Silva Alves (RS) e Elio Nepomuceno de Andrade Junior (RS)
Cartões amarelos: Dudu e Marquinhos (Figueirense); Everton (Flamengo)
Gol: Rafael Moura, aos 41min do primeiro tempo

Figueirense
Gatito Fernández; Ayrton, Marquinhos, Bruno Alves e Marquinhos Pedroso; Elicarlos, Ferrugem e Carlos Alberto (Bady); Dudu, Gustavo Ermel (Lins) e Rafael Moura (Guilherme Queiroz)
Técnico: Vinícius Eutrópio

Flamengo
Alex Muralha; Rodinei, Léo Duarte, Rafael Vaz e Jorge; Márcio Araújo (Mancuello), Willian Arão, Alan Patrick e Ederson (Gabriel); Everton (Marcelo Cirino) e Felipe Vizeu
Técnico: Zé Ricardo

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos