Santos quebra tabu que "o tirou" da Libertadores, mas Dorival quer mais

Do UOL, em São Paulo

"Não incomodava. Não vejo problemas. Não era uma situação que nos incomodava." Foi dessa forma que o técnico Dorival Júnior avaliou a quebra do jejum de vitórias do Santos longe de casa em jogos válidos pelo Brasileirão.

O treinador, porém, não poupou elogios à postura do Santos no triunfo por 2 a 0 sobre o Santa Cruz, no Arruda, em jogo válido pela sétima rodada. Para Dorival, a equipe manteve o volume de jogo mesmo atuando como visitante. 

"Podemos ter um crescimento desde que mantenhamos a postura nas últimas apresentações. Eu espero que ainda seja melhorada. Já houve uma evolução em relação ao jogo anterior. Foi bem melhor. Daqui a pouco vamos encontrar um caminho", disse o técnico.

Dorival chegou ao Santos há quase 11 meses. Com o treinador, o time santista mostrou força na Vila Belmiro. O desempenho fora de casa, entretanto, atrapalhou os planos no Campeonato Brasileiro. 

O aproveitamento do time como visitante na competição foi de apenas 17,5%, com uma vitória, sete empates e 11 derrotas. O primeiro e único triunfo ocorreu apenas no segundo turno, na 21ª rodada, sobre o Cruzeiro, no Mineirão (1 a 0, gol de Ricardo Oliveira)

A má campanha, dessa forma, contribuiu para o time ficar fora da Libertadores. Ao fim das 38 rodadas, o Santos ficou a quatro pontos do quarto colocado, o São Paulo, que somou 62 pontos. Na Copa do Brasil, o time venceu a primeira partida da final contra o Palmeiras, mas perdeu o título no Allianz Parque.

No Brasileirão 2016, a primeira vitória como visitante foi conquistada já na quarta partida fora de casa. O resultado também fez a equipe de Dorival voltar a vencer dois jogos seguidos no Brasileirão depois de 15 rodadas da competição (sete de 2016 e outras oito do ano passado).

Com a vitória em Recife, o Santos ganhou dez posições na tabela e ficou a uma do G-4. A equipe soma os mesmos dez pontos de outras seis equipes, mas leva a melhor no saldo de gols. Quatro times estão à frente da equipe: Corinthians (13), Grêmio (14), Palmeiras (15) e Inter (16).

Na próxima quarta-feira (15), pela oitava rodada do Brasileirão, o Santos enfrentará o Sport, na Vila. Com a derrota da seleção brasileira para o Peru nos Estados Unidos e a consequente eliminação precoce na Copa América Centenário, Dorival Jr. poderá ter de novo à disposição os titulares Lucas Lima e Gabigol. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos