Decisivo, Gabigol cobra torcida após ver pouco público na Vila

Do UOL, em Santos (SP)

Após ser decisivo na vitória do Santos contra o Sport por 2 a 0 nesta quarta-feira, na Vila Belmiro, em jogo válido, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro, o atacante Gabriel Barbosa cobrou a torcida santista. O camisa 10 lamentou o fato de a equipe santista vencer o jogo com apenas 4937 torcedores nas arquibancadas.  

"Estou muito contente, vitória na garra, na vontade. Estou contente em voltar, fazer gols, mas temos que lotar a Vila mais. A torcida tem direito de cobrar o jogador sim, mas não pode um jogo como esse ter pouca gente no estádio. Respeito à torcida do Santos, mas temos que melhorar, e a torcida lotar o estádio", afirmou Gabigol ao Premiere.

O volante Renato foi questionado sobre o desabafo de Gabigol e preferiu ser mais político na resposta. Ele não discordou do companheiro de time, mas amenizou o fato ao citar o horário da partida, que começou às 21h (de Brasília).

"A gente sente, a gente sabe que estamos em posição que eles jogam juntos. Necessitamos deles também. Ano passado eles tiveram um papel fundamental. Mas a gente sabe do horário também, nem todo mundo pode vir. Esperamos que eles (torcedores) compareçam para fazermos a Vila forte de novo nos próximos jogos", disse.

Gabigol, que cobrou a torcida, foi decisivo no jogo. O camisa 10, que defendeu a seleção brasileira no último domingo, nos Estados Unidos, foi titular nesta quarta-feira e atuou durante todo o jogo. Ele marcou o primeiro gol e deu passe para o segundo, de Vitor Bueno. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos