Inter e Figueirense são mais próximos do que parecem. Três casos mostram

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

  • Ricardo Duarte/Divulgação SC Inter

    Argel Fucks, técnico do Inter, comandava o Figueirense antes de ser contratado

    Argel Fucks, técnico do Inter, comandava o Figueirense antes de ser contratado

A relação entre Internacional e Figueirense é mais forte do que o olhar superficial pode indicar. Adversários deste domingo, na nona rodada do Campeonato Brasileiro, os dois clubes protagonizaram movimentações no mercado da bola nos últimos meses. De treinador a atacante, incluindo negócio que não deu certo.

Argel Fucks, Fabinho e Rafael Moura são os nomes que ligam Inter e Figueira. Clayton, hoje no Atlético-MG, bem que poderia estar na lista, mas a negociação foi abortada pelos valores.
 
É verdade que Rafael Moura foi liberado pelo Inter. Se acertou com o Atlético-MG e de lá foi emprestado ao Figueirense. Mas foi pela sua condição no Beira-Rio que se tornou opção em Florianópolis. E no campo, desde então, virou fundamental para a equipe.
 
Fabinho fez bom Brasileirão ano passado e foi contratado em dezembro, após não renovar com o Figueirense. O parecer de Argel, que chegou ao Beira-Rio em agosto, foi decisivo na investida do Colorado.
 
Argel é o negócio mais forte. Foi o treinador quem pagou a multa rescisória prevista em contrato para deixar o Figueirense. Entendendo que o convite do Inter era irrecusável. Os dirigentes catarinenses, à época, não gostaram da postura do clube gaúcho no negócio.
 
Mas nos meses seguintes trocaram contatos para analisar nomes a serem emprestados. Nenhum negócio efetivamente evoluiu. Argel serviu de elo para aproximar as diretorias. Ele também atuou como conselheiro de Rafael Moura, nos últimos dias do centroavante em Porto Alegre. Os relatos sobre Santa Catarina e o Figueirense ajudaram o jogador na mudança.
 
"Pegamos um adversário que conheço bem, fui muito feliz no Figueirense. Tenho uma identificação grande, sei que é difícil jogar lá. Vai ser jogo duríssimo", disse Argel.
 
Neste domingo, Figueirense e Internacional duelam pelos três pontos. O time gaúcho pode até empatar que segue líder. Mas a conexão entre eles já está no ar e não depende da partida.
 
FICHA TÉCNICA
FIGUEIRENSE X INTERNACIONAL
Data e hora: 19/06/2016 (Domingo), às 16h (Brasília)
Local: estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC)
Transmissão na TV: Globo e PPV
Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (SP)
Auxiliares: Emerson Augusto de Carvalho e Alberto Poletto Masseira (ambos de SP)
FIGUEIRENSE: Thiago Rodrigues; Ayrton, Marquinhos, Bruno Alves e Marquinhos Pedroso; Elicarlos, Ferrugem e Bady; Ermel, Lins (Jocinei) e Everton Santos (Rafael Moura).
Técnico: Vinícius Eutrópio
INTERNACIONAL: Danilo Fernandes; William, Paulão, Ernando e Arthur; Rodrigo Dourado, Fabinho, Gustavo Ferrareis, Alex e Vitinho; Eduardo Sasha.
Técnico: Argel Fucks
 
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos