Volante recupera vaga no Atlético-MG e marca gol após três anos

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

A manhã deste domingo (19) marcou a quebra de dois jejuns por parte do Atlético-MG. O time venceu a primeira desde a contratação de Marcelo Oliveira e Leandro Donizete voltou a balançar as redes adversárias após três temporadas.

Reserva no duelo da quinta-feira passada (16), contra o Internacional, o volante retomou a vaga de titular da equipe e teve uma atuação de destaque, ao marcar um gol (o que não acontecia desde abril de 2013, na vitória por 2 a 0, sobre o Tombense) e dar assistência para o gol de Carlos.

"Muito feliz pela minha atuação, pela entrada da bola e o passe do gol, ainda mais pela equipe. Marcelo falava para marcar muito, para roubar demais, não dar brecha pra equipe deles. O time está crescendo na hora certa", afirmou o meio-campista.

"A gente precisava destes três pontos, estava incomodando demais uma equipe com a qualidade que a nossa têm, ficar sem vencer sete jogos. Não pode. Tenho certeza que agora vamos dar sequência e buscar mais uma vitória na quarta-feira", acrescentou.

Ao término do duelo contra a Ponte Preta, Leandro Donizete explicou por que permaneceu no banco de suplentes na partida contra o Inter, no Beira-Rio:

"A torcida apoia, não tem o que falar. Mas o Marcelo tinha me poupado ali, todos os volantes que estavam correndo demais e sendo sobrecarregados. Fazer o papel de volante ali e marcar estava difícil, mas eu descansei e fiquei tranquilo. Ele me colocou de volta ai. Graças a Deus fazendo um grande jogo, e a equipe está de parabéns", concluiu.
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos