Embalado, líder Palmeiras ainda deixa a desejar em um quesito

José Edgar de Matos

Do UOL, em São Paulo

Cinco jogos de invencibilidade e a manutenção da briga pelas primeiras posições. Apesar do ótimo início de campanha no Campeonato Brasileiro, o Palmeiras sofre com um grave problema: as bolas pelo alto no sistema defensivo. Os altos índices favoráveis aos adversários incomodam e preocupam um time que diz brigar pelo título.

Dos dez gols sofridos pelo clube em nove rodadas de Série A, Fernando Prass foi por cinco vezes buscar a bola no fundo das redes depois de uma jogada pelo alto do adversário – duas delas de maneira consecutiva: João Paulo (Coritiba), na quarta-feira, e Grafite (Santa Cruz), neste último sábado.

Além dos últimos dois gols sofridos, o Palmeiras também sofreu com as jogadas aéreas diante de Ponte Preta, São Paulo e Grêmio – neste último, Geromel cabeceou livre, em lance que resultou no rebote aproveitado pelo defensor gremista Bressan.

O incômodo atinge o elenco palmeirense, como manifestou o zagueiro Vitor Hugo depois do compromisso do último sábado.

"Incomoda demais, cara! Mas, a gente trabalha muito, estamos treinando muito. Estamos trabalhando muito para entrar na batida", garantiu o defensor, que, no entanto, aproveitou para reclamar da arbitragem – Grafite se encontrava em posição de impedimento ao anotar o gol do clube pernambucano.

"Quando entramos na batida, o cara entra impedido e faz o gol. O bandeira tem de levantar. Vamos trabalhar que uma hora ou outra os erros vão parar de acontecer contra nós e as coisas vão continuar fluindo naturalmente", acrescentou o camisa 4 palmeirense.

Se Vitor Hugo se apegou ao erro do auxiliar, Cuca tratou de ignorar este fato. O treinador admite o problema.

"Tenho que trabalhar mais a zaga. Já olhei os lances no vestiário, vi o que erramos. Agora precisamos trabalhar bem para que a gente possa melhorar. O gol que tomamos era uma situação de impedimento, mas não tem como ver, não tem nem o que questionar sobre isso. O Prass foi bem nos lances, mas temos que trabalhar para isso não acontecer mais", analisou.

Cuca terá apenas esta segunda-feira para praticar o sistema defensivo. Já nesta terça, a partir das 21h30 (de Brasília), o Palmeiras retorna a campo: recebe no Allianz Parque, com público, o América-MG.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos