Ladrões roubam sub-sede do Santos e levam receita dos ingressos do clássico

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

  • Divulgação/SantosFC

    Presidente Modesto Roma comemora com torcedores inauguração da sub-sede

    Presidente Modesto Roma comemora com torcedores inauguração da sub-sede

A sub-sede do Santos, localizada na zona sul da Capital paulista, foi assaltada na tarde desta quinta-feira. Os ladrões levaram parte da receita apurada com a venda dos ingressos do clássico entre Santos e São Paulo, que ocorre neste domingo, às 16h (de Brasília), no estádio do Pacaembu, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro.

A assessoria de imprensa do clube confirmou o assalto e alega que o valor roubado ainda está sendo apurado. Nenhum objeto foi levado do local. A polícia foi acionada para investigar o caso.

A sub-sede do Santos é localizada na Avenida Indianópolis, 1772, e atende aos sócios para venda de ingressos e produtos licenciados. O local também virou um ponto de encontro para os santistas de São Paulo e do ABC paulista.

O local foi inaugurado no final do ano passado e contou com as presenças do presidente Modesto Roma Júnior, o Delegado Nico, um dos idealizadores do projeto, o ex-presidente santista, Marcelo Teixeira, o ídolo Clodoaldo, entre outros ilustres santistas.

Santos e São Paulo jogam no Pacaembu após acordo entre as duas diretorias. O presidente Modesto Roma sugeriu que os dois jogos – ida e volta do Brasileirão – ocorressem no estádio municipal e com torcida única. A proposta foi aceita por Carlos Augusto de Barros e Silva e, por isso, o São Paulo não jogará no Morumbi contra os santistas no segundo turno.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos