Artilheiro do Mineirão, Willian comemora "redenção" após seca de 50 dias

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

Maior artilheiro do novo Mineirão e principal referência do Cruzeiro no time do ano passado, o atacante Willian não começou o ano da forma que terminou a última temporada. Por quase cinco meses, o jogador sofreu com a instabilidade, marcou apenas um gol (no início de maio) e conviveu com a reserva na equipe. Mas nesta noite de sábado tudo foi diferente. O artilheiro do bigode foi o nome do jogo contra o Palmeiras, marcou os dois gols da virada celeste e foi o melhor em campo na vitória sobre o líder por 2 a 1.

"Muito feliz, graças a Deus. Tive vários momentos adversos, mas fiz minha parte. Deus nos deu o potencial, então tenho que saber desfrutar disso. Venho trabalhando para colocar isso em campo", comentou o atacante, que só havia marcado em uma ocasião em 2016, no dia 5 de maio, contra o Campinense, pela Copa do Brasil.

Com os dois gols deste sábado, Willian anotou seu 24º e 25º gols pelo Cruzeiro no novo Mineirão. O atacante é o artilheiro do estádio desde que o Gigante da Pampulha foi reaberto após as reformas. Além da artilharia e dos três pontos, a vitória contra o Palmeiras ainda foi a primeira do Cruzeiro dentro de casa no Brasileirão. De quebra, foi a primeira vez que o time emplaca duas vitórias seguidas no campeonato.

"Venho trabalhando, fazendo minha parte, me dedicando no dia a dia. Fico feliz em ter feito os gols e por ter ajudado nessa vitória brilhante. Tenho certeza que vamos deslanchar na competição", acrescentou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos