Inter é derrotado em casa para Botafogo e perde chance de assumir liderança

Do UOL, no Rio de Janeiro

Com uma série de desfalques, o Internacional teve uma atuação ruim e foi derrotado em pleno Beira-Rio (RS) para o Botafogo por 3 a 2 neste domingo. O resultado impediu que os colorados assumissem a liderança do Campeonato Brasileiro, uma vez que o Palmeiras havia perdido no sábado para o Cruzeiro.

Apesar do revés, os gaúchos continuam no G4 da competição. Já o Alvinegro respirou um pouco mais aliviado em sua luta contra o rebaixamento. Esta foi a primeira vitória dos cariocas como visitantes.

CAMILO – ESTREIA COM O PÉ DIREITO

Estreante da rodada, o meia Camilo vestiu a 10 do Botafogo e não se intimidou. Com categoria, o jogador ex-Chapecoense conduziu a equipe e teve participação direta no gol de Neilton, dando uma bela assistência.

O MELHOR – NEILTON

O jovem atacante botafoguense infernizou a zaga colorada com seus dribles. Com estilo abusado, ele irritou os adversários e conseguiu "arrancar" alguns cartões do adversário.

O PIOR – FABINHO

O meia colorado fez uma falta boba em Neílton, de forma ríspida, ainda no primeiro tempo, e prejudicou sua equipe sendo expulso.

VAIADO

O lateral esquerdo Geferson foi perseguido pela torcida do Internacional no Beira-Rio. Ainda no primeiro tempo, sempre quando o jogador tocava na bola era vaiado.

EXPULSÃO

O meia Fabinho complicou ainda mais a situação do Internacional ao ser expulso no primeiro tempo após uma entrada desleal no atacante Neilton. Ele tomou cartão vermelho direto.

CHUVA DE GOLS

Três gols aconteceram em apenas quatro minutos: Eduardo Sasha, aos 24, Camilo, aos 25, e Ernando, aos 28.


INTERNACIONAL 2 X 3 BOTAFOGO
Local:
Beira-Rio, Porto Alegre (RS)
Data e hora: 26 de junho de 2016, às 16h
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (GO)
Auxiliares: Guilherme Dias Camilo (MG) e Pablo Almeida da Costa (MG)
Renda e público:
Cartões amarelos: Ernando, Geferson, Rodrigo Dourado, Alan Costa (INT); Renan Fonseca, Sidão, Gervásio Nuñez (BOT)
Cartões vermelhos: Fabinho (INT)
Gols: Fernandes, aos 7 minutos do primeiro tempo (BOT); Neilton, aos 15 minutos do primeiro tempo (BOT); Eduardo Sasha, aos 24 minutos do segundo tempo (INT); Camilo, aos 25 minutos do segundo tempo (BOT); Ernando, aos 28 minutos do segundo tempo (INT)

INTERNACIONAL
Jacsson, William, Alan Costa, Ernando e Geferson (Alex); Rodrigo Dourado, Fabinho, Anderson, Andrigo (Marquinhos) e Gustavo Ferrareis (Bruno Baio); Eduardo Sasha
Técnico: Argel Fucks

BOTAFOGO
Sidão, Luis Ricardo, Emerson Silva, Renan Fonseca e Diogo Barbosa; Airton (Rodrigo Lindoso), Bruno Silva, Fernandes (Gegê) e Camilo (Gervásio Nuñez); Neilton e Ribamar
Técnico: Ricardo Gomes
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos