Volante do Grêmio pede desculpas por expulsão: "Minha atitude foi errada"

Do UOL, em Porto Alegre

Ramiro não se escondeu atrás de desculpas ou justificou seus erros culpando os outros. Admitiu falha em mais uma expulsão pelo Grêmio. Nesta segunde-feira (27), o volante concedeu entrevista coletiva para se desculpar. 

"Gostaria de pedir desculpas pela minha atitude que foi errada e acabei sendo punido com o cartão vermelho de forma correta", disse. "O primeiro cartão vermelho (contra o Fluminense) eu justifiquei na outra entrevista, e naquela eu não concordei (Ramiro disse que o árbitro mentiu em súmula). Agora eu concordo. Usei força desnecessária no lance, o juiz já tinha apitado e eu apliquei mais um chute no adversário. Me comportei de forma errada. Fui expulso de forma correta", completou. 
 
O lance ocorreu nos minutos finais do jogo e o Grêmio já perdia por 2 a 0. Walter protegia a bola e o marcador cometeu falta e chutou o adversário ao tentar retomar a bola. 
 
Suspenso da próxima partida, ele concorda que abriu espaço para ser menos utilizado no time. Até mesmo pelo bom rendimento do jovem Jaílson quando recebeu chance. 
 
"O jogo estava no final. Talvez se estivesse com mais tempo para jogar, eu tivesse prejudicado ainda mais o time. Mas no ponto em que estava, o maior prejudicado fui eu mesmo. Pedi desculpas a todos logo que acabou o jogo. Principalmente ao Roger (Machado, técnico)", explicou Ramiro. 
 
O Grêmio teve reapresentação na tarde desta segunda-feira. O próximo compromisso será diante do Santos, na quarta-feira, na Arena. 
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos