Garra ou descontrole? Grêmio precisa acalmar nervos para espantar fase ruim

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Ernesto Rodrigues/Folhapress

    Roger Machado pediu mais controle para os jogadores do Grêmio na semana

    Roger Machado pediu mais controle para os jogadores do Grêmio na semana

Para estar mais perto de ganhar os jogos, o Grêmio precisa se controlar. Foram três pênaltis e três expulsões recentes. Independentemente de erros ou não dos árbitros, o técnico Roger Machado passou a semana trabalhando o psicológico dos jogadores para não confundirem garra com descontrole. E o teste para isso será diante do Santos, nesta quarta-feira (29) a partir das 19h30 (de Brasília). 

As penalidades ocorreram diante da Chapecoense, do Cruzeiro e novamente contra o Vitória. Apenas diante dos mineiros não houve reclamação. E os cartões vermelhos vieram contra Fluminense, Atlético-PR e Vitória. Todos jogos neste mês. 
 
"Sem dúvida temos que trabalhar isso. Viemos de expulsões em sequência, algo que não é normal e nunca foi nossa rotina. Um jogador a menos em campo prejudica muito e temos que trabalhar e cuidar deste detalhe que pode intervir na maioria das vezes contra nós mesmos", explicou o volante Ramiro, expulso duas vezes entre as três expulsões do Grêmio. 
 
Para controlar os ânimos dos jogadores, o técnico Roger Machado tratou de dar um puxão de orelhas. Durante a semana, se reuniu com os jogadores e firmou um 'pacto' para acabar o jogo com 11 atletas em campo. 
 
Roger argumentou, ainda, que quer o elenco separando garra de força desmedida. E nisso os jogadores precisam conseguir 'esquecer' o anseio da torcida. Na ânsia por vitórias, os aficionados cobram empenho muitas vezes desproporcional dos jogadores. Se entendem assim, podem acabar prejudicando o time em vez de contribuir com ele. E o treinador salientou isso em conversas durante as atividades de preparação para a próxima rodada. 
 
"Terminar com um jogador a menos é um prejuízo muito grande. Temos que ficar atentos e evitar que este tipo de situação se repita. Não é normal no nosso time, não pode seguir acontecendo", disse Roger. 
 
Além disso, o treinador proibiu qualquer manifestação desrespeitosa ou forte em relação aos árbitros. Para que não ocorram momentos como diante do Fluminense, quando Ramiro levou o vermelho por reclamação sobre um lance em que ele sequer estava envolvido. O capitão, Maicon, é quem tem a prerrogativa de conversar com o responsável pelo jogo. Os demais devem se comunicar com o juiz o mínimo possível. 
 
A nova conduta será iniciada diante do Santos. A ideia é espantar a fase ruim. O Tricolor vem de duas derrotas no Brasileiro, algo que não ocorria desde 2014. Para esta partida, o comandante gremista contará com o regresso de Douglas. Bobô deixa o time. Na zaga, Bressan pode jogar, mas deve seguir fora da equipe com Rafael Thyere mantido ao lado de Fred. 
 
FICHA TÉCNICA
GRÊMIO X SANTOS
Data e hora: 29/06/2016 (quarta-feira), às 19h30 (Brasília)
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Transmissão na TV: Sportv e PPV
Árbitro: Eduardo Tomaz de Aquino Valadao (GO)
Auxiliares: Alessandro Rocha de Matos (BA) e Bruno Raphael Pires (GO)
GRÊMIO: Marcelo Grohe; Edílson, Rafael Thyere, Fred e Marcelo Oliveira; Walace, Jaílson, Giuliano, Douglas e Everton; Luan. 
Técnico: Roger Machado
SANTOS: Vanderlei, Victor Ferraz, Luiz Felipe, Gustavo Henrique, Zeca; Thiago Maia, Renato; Vitor Bueno, Lucas Lima, Gabriel; Rodrigão.
Técnico: Dorival Júnior
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos