Paulo Bento lamenta jogo ruim do Cruzeiro e vê empate como ponto ganho

Do UOL, em Belo Horizonte

Jogo em casa, mais de 40 mil torcedores no estádio, vitória parcial de 2 a 0 e adversário com um jogador a menos. Esse era o cenário do Cruzeiro aos 10 minutos do segundo tempo, na partida com o Vitória. Ao término do jogo, o empate em 2 a 2 foi bastante frustrante para os cruzeirenses. Sensação de dois pontos perdidos, mas não para o técnico Paulo Bento.

O treinador lamentou a chance perdida pelo Cruzeiro de se aproximar dos líderes do Campeonato Brasileiro, após os tropeços diante de Chapecoense e Vitória. Mas ao mesmo tempo o comandante celeste reconheceu que o Vitória foi melhor em campo em boa parte dos 90 minutos.

"Temos que nos dar satisfeito com o empate que conquistamos. Se alguém tivesse que ter ganho, seria o nosso adversário", comentou com sinceridade o treinador cruzeirense, que fez questão de elogiar o Vitória.

"Em primeiro lugar tenho que felicitar o adversário. Crio que foi melhor do que nós durante praticamente os 90 minutos. Foi melhor com 11. Com 10 soube adaptar-se e conseguiu chegar à igualdade. Em primeiro temos que felicitar o Vitória, que foi melhor, mesmo quando a gente estava na frente", disse Paulo Bento.

Com o empate em casa, o Cruzeiro segue mais próximo da zona do rebaixamento do que dos primeiros colocados. Algo que também foi bastante lamentando por Paulo Bento, que fez questão de lembrar da rodada anterior, quando o Cruzeiro perdeu para a Chapecoense, após abrir o placar.

"Estávamos em casa, mas não soubemos aproveitar a oportunidade. Na quarta-feira, em Chapecó, perdemos a oportunidade de subir algumas posições na tabela. Hoje perdemos outra. E, logicamente, que perde tantas oportunidades está mais perto de sofrer do que de alcançar os objetivos".

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos