Amor ou ódio? Douglas zoa Inter e ganha fãs, mas ainda é cobrado no Grêmio

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

Ele arrancou da intermediária sem a bola, acompanhou a jogada quando estava com Everton, percebeu que Muriel poderia errar e concluiu com força para a rede. Douglas marcou o gol que deu a vitória ao Grêmio contra o Internacional. Saiu aplaudido no segundo tempo, quando acabou cansando e sendo substituído. A comemoração - que seguiu depois do jogo através das redes sociais - contrasta com a revolta de muitos gremistas pela insistência de Roger Machado com ele há bem pouco tempo. 

Douglas foi muito vaiado e chegou até a discutir com alguns torcedores quando substituído na Arena ao fim do primeiro semestre. A torcida considerava que o time ficava mais lento com a presença do camisa 10, que os erros tentando enfiadas entre os zagueiros acabavam em chances do adversário e que o perfil 'desregrado' não contribuía para o time. 

TABELINHA: APESAR DAS LESÕES, GRÊMIO É TIME MODERNO E JOGA BONITO, DIZEM ERICH E PVC

E ir do inferno ao céu, do ódio ao amor, faz parte da trajetória do armador no Grêmio. Em sua primeira passagem pelo clube, em 2010, ele era muito cobrado pelos aficionados. Repetidamente vaiado no Olímpico quando Silas Pereira era o técnico da equipe. Tão logo Silas caiu e Renato Gaúcho foi contratado, a postura mudou totalmente e ele cresceu tanto de rendimento que chegou a ser convocado por Mano Menezes para seleção brasileira. 

Em 2012, quando trocou o time de Porto Alegre pelo Corinthians, vivia novamente o momento ruim. Era cobrado pelos aficionados com a falta de bom futebol apresentado pelo time de Caio Júnior. 

GRÊMIO VENCE INTER POR 1 A 0; VEJA O GOL

  •  

Por isso está acostumado. Com o segundo gol seguido na equipe, Douglas tratou de subir novamente a trajetória da montanha-russa de sua passagem vestindo azul, branco e preto. E depois do jogo fez o que admitiu em entrevista coletiva: aproveitou o momento nas redes sociais. 

Tão logo tinha acabado o jogo, postou um vídeo no Snapchat afirmando que iria 'sair para beber de trator', em alusão ao áudio vazado de Argel Fucks em que ele dizia que o Colorado 'passaria o trator' sobre o Grêmio. Bastou para receber uma série de elogios dos gremistas. 

A fase é tão boa que não há dúvida sobre a sequência dele no time com Bolaños mantido na reserva. Isso que o equatoriano custou R$ 20 milhões ao time gaúcho no início do ano, sendo a principal contratação para a temporada. 

Com dois dias para aproveitar - de trator ou não - Douglas retoma atividades com os demais jogadores do Grêmio apenas na quarta-feira. Será quando o time começa a se preparar para o jogo diante do Figueirense, na Arena. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos