Sem Fred, Atlético aposta de novo em Carlos para superar o Flamengo

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Bruno Cantini / Atlético MG

    Com Fred suspenso, Carlos vai ser o centroavante do Atlético-MG contra o Flamengo

    Com Fred suspenso, Carlos vai ser o centroavante do Atlético-MG contra o Flamengo

Em novembro de 2014 o Atlético-MG buscava uma vaga na sua primeira final de Copa do Brasil. O adversário era o Flamengo, que após vencer o primeiro jogo por 2 a 0, no Maracanã, abriu o placar no Mineirão, com Everton, aos 34 minutos do primeiro tempo. Naquele momento, o time mineiro precisava fazer quatro gols para chegar à decisão. E o Atlético conseguiu o feito, que começou com um gol de Carlos.

Sete minutos depois de o Flamengo fazer 1 a 0, o camisa 13 empatou após cruzamento de Douglas Santos. O gol, ainda no primeiro tempo, deu ânimo ao Atlético. A equipe alvinegra voltou com mais força na etapa final e marcou outras três vezes, o necessário para avançar no torneio. A goleada por 4 a 1 sobre o Flamengo está na história do Atlético, como uma das mais importantes partidas do clube.

E neste domingo, mais uma vez o Atlético enfrenta o Flamengo. Agora pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. Confronto pode colocar o vencedor no G4. E mais uma vez o Atlético vai ter Carlos no ataque. Com Fred suspenso, após a expulsão com o Figueirense, Carlos deve entrar na equipe.

"Fred é um jogador importantíssimo. As características dele são muito importantes para a gente. Cazares, Robinho, Clayton precisam muito dele. Ele segura os zagueiros e vai fazer muita falta pelo que vem fazendo nos jogos. Temos jogadores que têm outras características, que vão nos dar outro volume de jogo, como o próprio Carlos, que vem fazendo gols. Ele tem muito empenho, tem muita vontade, muita raça. Tomara que ele possa fazer uma grande partida. Tenho certeza que ele vai fazer um grande jogo", entregou o zagueiro Erazo, que depois tentou esconder, assim como fez o técnico Marcelo Oliveira.

"Falei do Carlos porque tem a característica mais parecida com a do Fred. Mas vamos ver o que o Marcelo vai fazer no treino. O Carlos vem se destacando e, pelo sistema do nosso jogo, ele seria a melhor opção para a vaga. Tomara que a gente possa fazer um grande jogo, estamos confiantes e tomara que a gente conquiste a vitória", completou o defensor equatoriano.

Grande chance para Carlos. Titular na conquista da Copa do Brasil de 2014, o atacante perdeu espaço na sequência. Lesões, críticas da torcida e uma expulsão no Brasileirão do ano passado, contra o Sport, fizeram Carlos jogar menos nos últimos meses. O prestígio perdido ainda com Levir Culpi, foi recuperado com Diego Aguirre. Em três partidas na Libertadores foram três gols.

Com a queda do técnico uruguaio e a chegada de Marcelo Oliveira, Carlos perdeu espaço de novo. A chegada de Fred só dificultou para o jovem goleador de 20 anos. Mesmo assim, entrando no decorrer das partidas, Carlos já tem dois gols neste Brasileirão. Contra Ponte Preta e Botafogo. Diante do Flamengo, desde o começo do jogo em campo, Carlos vai ter nova oportunidade para provar o seu valor.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos