Abel, Mano ou Luxa? Inter dosa relacionamento e preço por novo técnico

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Alexandre Lops/AI Inter

    Abel Braga já treinou o Inter em cinco oportunidades e é o preferido para voltar

    Abel Braga já treinou o Inter em cinco oportunidades e é o preferido para voltar

O Internacional já debate seus alvos para assumir o time. Tão logo demitiu o técnico Argel Fucks, a direção vermelha seguiu reunida com o nome do sucessor em pauta. E o anúncio não pode demorar. Mas não será fácil superar as barreiras pelo novo treinador. 

Prestes a viver período eleitoral, o Inter define um nome como predileto para acalmar até a oposição, que mira assumir o comando do clube: Abel Braga. O treinador campeão do mundo em 2006, contudo, não tem intenção de assumir qualquer equipe neste ano e já informou isso à direção do Inter informalmente. Abel encontrou os diretores do Colorado na última sexta-feira. 
 
No entanto, uma série de acontecimentos na recentes indicam aproximação. O clube terminou de pagar uma dívida que tinha com Abel da passagem dele pelo reservado vermelho em 2014. Ainda recebeu Leomir, auxiliar de Abel, para um encontro durante viagem em partida do Brasileirão. Depois disso, o auxiliar foi encontrar-se com o treinador. 
 
Porém, a relação de Abel com o atual presidente vermelho acabou arranhada. Quando concorria ao cargo máximo do Inter em 2014, Vitório, ao contrário de seu adversário na ocasião, Marcelo Medeiros, não garantia seguir com o treinador no comando. Deixou para negociar com ele apenas depois da classificação para a Libertadores e esta desconfiança irritou Abel, que preferiu ir embora. 
 
E problemas pessoais do presidente do Inter também vetam o que seria o 'Plano B' do Colorado: Mano Menezes. Tão logo foi eleito, Píffero disse publicamente que Mano Menezes não tinha o perfil ideal para comandar o Inter. Mano ficou magoado e decidiu não trabalhar com o mandatário. Tanto que foi procurado e rejeitou o convite de assumir o Inter no começo de 2015, antes da contratação de Diego Aguirre. 
 
Há um movimento nos bastidores do Internacional cujo objetivo é reaproximar Mano de Píffero. Contudo o Inter tem pressa na contratação de um treinador e nenhuma das partes parece disposta a ceder para que o ex-técnico da seleção assuma o Colorado. 
 
Com isso, uma terceira opção ganha força: Vanderlei Luxemburgo. O Inter tem a informação que Luxa ainda tem ligação profissional ao Tianjin Quanjian, mesmo sem ser treinador do time da segunda divisão chinesa. Sendo assim, precisaria se liberar para retornar ao futebol brasileiro. Luxa é admirado pela direção do Inter e também já foi convidado em outra oportunidade a assumir o cargo, mas preferiu o Flamengo. 
 
Nomes como Celso Roth e Mário Sérgio Pontes de Paiva também são citados nos bastidores do Internacional. Mas com menos força do que os três prediletos. O Inter dosa, ainda, o preço mensal e de luvas para convencer o novo treinador a aceitar um vínculo de seis meses, já que em dezembro há eleição. Tudo será levado em conta no momento do acerto. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos