Cristóvão veta Pato, esconde escalação e leva André e Elias para o banco

Do UOL, em São Paulo

  • Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

    Cristóvão Borges indicou Corinthians para o clássico de domingo

    Cristóvão Borges indicou Corinthians para o clássico de domingo

O Corinthians que enfrenta o São Paulo no domingo só será definido por Cristóvão Borges no sábado. Em entrevista coletiva nesta sexta-feira, o treinador deu algumas indicações, ainda assim. 

Alexandre Pato não vai para o banco de reservas e estreia só no fim de semana que vem, diante do Figueirense. Elias e André, recuperados, ficam no banco de reservas. Giovanni Augusto, que não treinou durante a semana por se recuperar de problemas no tornozelo, é dúvida. E Danilo virou favorito para o lugar de Luciano, mas não há certeza absoluta sobre a mudança.

"São dúvidas. Por conta disso eu treinei outras formações, pela estratégia que vamos usar no jogo. Nos treinamentos que fizemos em dias anteriores e hoje estamos focados na estratégia do jogo, não tem nada definido em relação a isso", comentou Cristóvão. 

"Tenho o time definido, mas por conta de algumas coisas, há jogadores que treinaram mais, outros que sentiram...então fiz avaliações durante a semana. Vamos deixar para decidir a equipe amanhã (sábado). Até por isso, treinamos mais de uma formação. Há possibilidades de mudança", admitiu ainda o treinador. 

"Está confirmado que Pato vai para o próximo jogo (Figueirense). De todos, ele é quem está há mais tempo sem treinamentos no campo. Só parte física. Temos de dar mais condição para ele jogar bem. No próximo jogo ele vai estar pronto", disse. Já sobre Elias e André, descartou titularidade por ora. "Há um cuidado, sim. Eles estão treinando, estão bem, mas não devem começar jogando, não. Ficaram um tempo se recondicionando, e o jogo é de exigência muito alta. Para começo não é aconselhado, não". 
 
A provável equipe para o clássico é: Cássio; Fagner, Yago, Balbuena e Uendel; Bruno Henrique e Rodriginho; Romero, Giovanni Augusto (Guilherme) e Marquinhos Gabriel; Danilo (Luciano). 

Veja o que mais declarou Cristóvão Borges:

ASSÉDIO SOBRE PATO
Isso existe em todo clube do mundo. O Neymar deve ser assim, o Messi deve ser assim... O talento é dele, mas o tratamento tem que ser igual, todos precisam ser respeitados. E é natural, vocês acompanham, têm falado. É para que todo mundo se sinta à vontade, porque é muito importante que todo mundo se sinta importante. Mas o talento é de cada um, e essa individualidade vai aparecer se houver força de conjunto, de grupo.

EMPRÉSTIMO DE MAYCON À PONTE
Ele é um jogador jovem, talentosíssimo, futuro titular do Corinthians. O empréstimo faz parte desse trabalho. Há muitos da mesma posição aqui. É importante que ele jogue. Já tinha falado a ele que iria colocá-lo, mas não dá para garantir sequência a ninguém. A saída dele é vantajosa para ele, para o clube, para o futuro.

CENTROAVANTE DEIXA DE SER PRIORIDADE
Tivemos algumas dificuldades, mas também havia esse pensamento antes de definir a situação do Pato. Não tinha a situação dele (Pato), e o André estava machucado. Agora é diferente, não há essa urgência. Agora, com eles, não precisamos correr nessa posição. Vamos cuidar de outras carências que temos. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos